13 coisas que, definitivamente, vão parar no buraco negro

Porque não tem outra explicação para o sumiço dessas coisas.

1. Elástico de cabelo

É impossível acompanhar o ritmo. Você compra aquele pacotão de elásticos, pensando que ele vai durar o ano todo, mas, uma semana depois, já não sabe onde se encontra metade dele. É, realmente, uma coisa de louco.

2. Borracha

Você nunca termina uma borracha, porque você, simplesmente, nunca fica com uma borracha até o final. Você perde ela antes.

3. Óculos

Você se desespera, refaz seus últimos passos, desvira a casa em busca dos óculos, quando ele, geralmente, está apoiado na sua cabeça, preso na gola da camiseta ou perdido no armário.

4. Tarrachinha de brinco

Rapaaaaaaz. Se os elástiquinhos de cabelo somem, principalmente aqueles feitos de silicone, as rosquinhas de brincos desaparecem, se tornam invisíveis, tomam chá de sumiço, aparatam…

5. Cabo USB

É um novo cada semana.

6. Grampo de cabelo

Eles somem justamente quando você mais precisa dele. Como quando só falta um grampinho para finalizar aquele coque, sabe? Daí você precisa soltar todo o cabelo, desfazer o penteado e revirar os armários atrás de um grampinho que seja. Daí você encontra um, mas ele está sem aqueles protetores de ponta e arrancam todo os seus fios. Não. É. Fácil.

7. Tampa de caneta

O resultado desse sumiço é um estojo todinho imundo por dentro.

8. Tampas de lápis de olho

O resultado aqui também é um estojo de maquiagem sujo. E lápis sem pontas. Daí você tem que achar o apontador e… Ops! Mas cadê o apontador? Ah, essa não!

9. “Pulseiras. Perco váááárias!”, B árbara Castro , leitora da CAPRICHO

10. Batom

Ele, provavelmente, está perdido em alguma das muitas bolsas que você usa.

11. Dinheiro

Já o dinheiro, provavelmente, está perdido em algum bolso de alguma calça, que já foi lavada. Esse detalhe é muito importante. Daí seu dinheiro vai voltar para você todo limpo, mas esmigalhado. Mas isso é o de menos. O ruim é quando ele não volta. Aí, complica.

12. Pen drive

Tem o caso do pen drive emprestado, que nunca mais aparece. E tem o caso do pen drive que desaparece no buraco negro. Qual é o seu?

13. “Meias. Eu falo que tem um elfo aqui em casa”, Manuela Molina, leitora da CAPRICHO

E você, quais coisas costuma perder no buraco negro da vida?

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s