Oscar 2020: Natalie Portman fez um protesto girlpower com seu look

A atriz usou uma capa com o nome de todas as diretoras que não foram indicadas ao prêmio este ano

Por Gabriela Zocchi Atualizado em 10 fev 2020, 02h22 - Publicado em 9 fev 2020, 23h43

A atriz Natalie Portman marcou presença no Oscar 2020 para apresentar o prêmio de Melhor Roteiro Adaptado ao lado de Timothée Chalamet e, para a ocasião, escolheu um lindíssimo vestido preto com detalhes bordados em dourado da grife Dior.

No tapete vermelho, a atriz completou o look com uma capa preta, mas se engana quem pensou que o acessório era apenas um toque fashionista! É que na borda desta capa, Natalie bordou o sobrenome de algumas das mulheres que poderiam, mas não foram indicadas ao prêmio de Melhor Direção este ano: Scafaria, Wang, Gerwig, Diop, Heller, Matsoukas, Har’el e Sciamma.

Natalie Portman homenageou diretoras femininas que não foram nomeadas ao Oscar com seu look no tapete vermelho Amy Sussman/Getty Images

A atitude da atriz, claro, foi uma forma de protesto silencioso contra a falta de diversidade e de espaço para mulheres na indústria cinematográfica. Em toda a história do Oscar, somente cinco mulheres foram indicadas ao prêmio de Melhor Direção, sendo que apenas uma delas levou a estatueta para casa. Foi Kathryn Bigelow, por Guerra ao Terror, em 2010.

  • A Academia foi muito criticada neste ano por não ter incluído nenhuma mulher na categoria de Melhor Direção, ainda mais porque muitos dos filmes delas receberam indicações em outras áreas. Greta Gerwig, por exemplo, é a mente por trás de Adoráveis Mulheres. Mati Diop dirigiu o franco-belga-senegalês Atlantique, enquanto Melina Matsoukas comandou Queen & Slim. Lorene Scafaria dirigiu As Golpistas, um dos grandes esnobados da premiação, assim como The Farewell, de Lulu Wang. Alma Har’el foi responsável por Honey Boy e Céline Sciamma por Retrato de uma Jovem em Chamas.

    Maravilhosa a Natalie, né? E esta não foi a primeira vez que ela se manifestou contra a falta de mulheres diretoras indicadas em uma premiação. Em 2018, a atriz foi responsável por anunciar o prêmio de Melhor Diretor no Globo de Ouro e, antes de ler os nomes dos que estavam concorrendo, disse: “e aqui estão todos os indicados masculinos”.

    Continua após a publicidade
    Publicidade