Os dramas coreanos invadiram de vez a Netflix

Conheça as produções mais recentes da plataforma e saiba por quê você deve adicioná-las à sua lista

Por Gustavo Balducci - 4 Maio 2019, 10h00

A Netflix vem investindo fortemente na produção de dramas coreanos. O formato único – que já marca presença por todo o continente asiático – caiu nas graças do ocidente e virou febre entre os jovens por aqui.

Com as primeiras transmissões datadas ainda na década de 1960, as séries ambientadas em períodos históricos eram a preferência, mas com o popularização dos aparelhos de TV a partir dos anos 70, questões do cotidiano e temas modernos começaram a ser introduzidas para chegar até o formato atual. Bem distinto do que estamos acostumados, os k-dramas funcionam como minisséries, que variam entre 12 a 24 capítulos e, muitas vezes, não possuem sequência.

Hoje, os dramas coreanos também são como ferramenta educadora, levando o público global a conhecer de perto tradições importantes da sociedade, seus costumes e, por diversas vezes, ensinam sobre respeito cultural e empatia a estrangeiros. Anteriormente, aplicativos como Dramafever e VIKI, eram as principais escolhas para conseguir acompanhar as produções sul-coreanas, mas agora a plataforma busca criar um caminho mais curto para conectar os fãs às telenovelas do país.

Com um vasto catálogo, a Netflix já atinge dezenas de produções asiáticas e abriga títulos famosos como o reboot Jardim de Meteoros (2018), uma versão adaptada do mangá Boys Over Flowers, que posteriormente ganhou sua primeira versão na TV taiwanesa em 2001. Se você ainda tem dúvidas sobre a invasão dos k-dramas, basta conferir suas recomendações de lançamento, onde a cada instante, novos conteúdos são adicionados para streaming. Estas são algumas das estreias mais recentes dos últimos meses que são dignas de maratona:

Continua após a publicidade

PERSONA

Estrelado por ninguém menos que Lee Ji-eun, ou popularmente conhecida como IU – uma das garotas mais promissoras e talentosas da Coreia do Sul –, esta antologia de curtas independentes aborda um tema intimista em cada um de seus episódios. Quatro diretores de sucesso foram convidados para se juntar ao projeto que tem como inspiração os trabalhos musicais da jovem IU. Ela, também esteve presente durante todo o processo criativo da série junto ao corpo de diretores e produtores. Em Persona, Lee encarna não um, mas quatro personagens completamente distintos e promove um excelente show de atuação, provando que está acima de ser somente uma estrela do K-pop. A série, também conta com a presença de Bae Donna, famosa por seu papel como Sun na série Sense 8.

Primeira Vez Amor

A novela é o lançamento mais fresco e divertido da Netflix, garantindo boas risadas e instantes emocionantes assistindo este romance adolescente. Três jovens se encontram juntos num ponto comum de suas vida, dividir a casa com Yoon Tae Oh (Kim Ji Soo). Vivendo em conjunto por circunstâncias inusitadas e situações mal resolvidas fora dalí, este coming of age usa metáforas para mostrar que no fundo, o grupo de amigos está confuso procurando entender os significados do primeiro amor. Com uma atmosfera agradável e colorida, a rotina de Choi Hoon (Kang Tae Oh), que foi expulso de casa por não querer seguir os desejos do pai e sim seu sonho de atuar em musicais, Oh Ga Rin (Choi Ri), uma garota rica que quer resolve fugir do sufoco e dos cuidados em excesso da mãe, e Han Song Yi (Jung Chae Yeon), que está passando por uma crise financeira na família se conectam ao destino de Yoon Tae.

Continua após a publicidade

KINGDOM

Talvez KINGDOM seja a série mais inovadora no formato dos últimos tempos. Ressignificando por completo o jeito de contar dramas épicos, essa novela conseguiu unir perfeitamente guerreiros medievais com zumbis. Criada pela autora Kim Eun-hee, a primeira temporada chegou com seis capítulos de tirar o fôlego, gerando uma enorme repercussão nas redes sociais e conquistando sua renovação para ter uma segunda temporada. Se passando durante a Dinastia Josean, o thriller acompanha o príncipe Chang correndo contra o tempo em busca de uma solução que faça a epidemia de mortos-vivos parar antes que o reino seja destruído.

Memórias de Alhambra

Este k-drama mistura tecnologia e romance. Após receber um e-mail sobre um jogo famoso de batalhas em realidade aumentada, o senhor Yoo Jin-woo (Hyun Bin) resolve viajar até a região de Alhambra, na Espanha, para encontrar o criador do game. Chegando lá, Jin-woo descobre que o empresário está desaparecido e se envolve com sua irmã, Jung Hee-joo (Park Shin-hye), que mantém um hostel na cidade. Juntos, eles embarcam para solucionar grandes mistérios, mas as fronteiras entre o virtual e o físico parecem se confundir.

Continua após a publicidade

Romance Is a Bonus Book

O k-drama desenvolvido pela tvN foi lançado em janeiro de 2019 e conta no elenco com o astro Lee Jong Suk, que também marcou presença no sucesso Pinocchio (2014). Em Romance Is a Bonus Book, Jong Suk interpreta um escritor talentoso, conquistando o cargo de editor-chefe numa grande editora ainda jovem. Apesar de galã, a heroína da história é a atriz Lee Na Young, que vive o papel de uma antiga redatora que agora está desempregada e sem dinheiro. A personagem busca por um recomeço no mercado de trabalho após uma pausa de sete anos na carreira onde se dedicou a cuidar do marido e da filha – uma realidade muito comum para toda mãe. A jornada da atriz percorrendo um caminho doloroso em busca de conhecimento, reflete a uma sociedade que ainda precisa se reeducar para entender a importância da igualdade entre homens e mulheres.

E aí, qual você escolheu para assistir?

Publicidade