Conhecemos o set de Cinderela Pop com a Maisa e contamos tudo pra você!

A CAPRICHO acompanhou de pertinho um dia de gravação do filme e entrega aqui todos os detalhes

Era um raro dia nublado no Rio de Janeiro quando passei pelos discretos portões da Mansão das Heras, no Alto da Boa Vista. A discrição do local ficou só por fora mesmo, uma vez que do lado de dentro um enorme casarão coberto por trepadeiras e primaveras me recebia, cercado por jardins cheios de verde decorados com estátuas gregas e até alguns laguinhos.

Cinderela-Pop-set-visit-mansao-das-heras Bem vindos à Mansão das Heras, propriedade no Alto da Boa Vista, no RJ, que serviu de cenário para Cinderela Pop

Bem vindos à Mansão das Heras, propriedade no Alto da Boa Vista, no RJ, que serviu de cenário para Cinderela Pop (Gabriela Zocchi/CAPRICHO)

De cara me senti um pouco perdida, sem saber direito se estava no lugar certo. Mas então vi um verdadeiro príncipe de fraque de veludo verde musgo cantando e tocando sozinho, no violão, uma música romântica na varanda, e foi aí que achei que estava sendo surpreendida por uma serenata tive certeza: sim, aquele era Filipe Bragança e eu estava no set de gravação de Cinderela Pop, o primeiro filme inspirado em um livro de Paula Pimenta, que estreia em 28 de fevereiro.

Protagonizado por Maisa Silva, o longa reconta a história da Cinderela de uma forma mais moderna. Cintia Dorella, uma adolescente apaixonada por música e que trabalha como DJ nas horas vagas, deixou de acreditar no amor após a separação de seus pais. Mas quando ela conhece um príncipe, ou melhor, o maior cantor pop da atualidade, Fredy Prince, seu coração fica um pouco balançado. O problema é que o momento precisa ser interrompido bruscamente e ela tem que ir embora correndo sem nem se apresentar, deixando para trás apenas um dos pés do seu par de All Stars customizados.

UM TOUR PELO UNIVERSO DE CINTIA

Filipe estava tão focado no ensaio que nem notou que estava sendo observado. Foi então que chegaram a equipe da Panorâmica e Rodrigo Montenegro, diretor executivo da empresa, para me receber. “Queremos realmente ser uma referência no segmento infanto-juvenil do cinema brasileiro”, me disse ele, para então revelar: “compramos os direitos de todas as obras da Paula Pimenta, tanto do que ela já escreveu como do que ela ainda vai escrever”. Sabe o que isso significa? Que podemos esperar mais filmes (e quem sabe séries também) incríveis vindo aí! Uma dica? Princesa Adormecida pode ser o próximo. 😉

Primeiro Rodrigo nos levou por um tour pelos bastidores do longa. A Mansão das Heras foi escolhida como locação por ser uma propriedade enorme, assim a equipe de cenografia poderia transformar cada cômodo dela em um lugar completamente diferente no filme. Ou seja, a casa de Cintia, a escola dela e as várias festas que aparecem no longa foram todos gravados, na verdade, no mesmo local!

cinderela-pop-set-visit-rio-de-janeiro Alguns detalhes da área externa da Mansão das Heras, onde foi gravado Cinderela Pop

Alguns detalhes da área externa da Mansão das Heras, onde foi gravado Cinderela Pop (Gabriela Zocchi/CAPRICHO)

Embora alguns cenários já tivessem sido desmontados – afinal, minha visita aconteceu poucas semanas antes do fim das gravações do filme – pude entrar, por exemplo, na casa em que a protagonista vive com sua tia, Helena (Elisa Pinheiro). O apartamento delas tem uma vibe bem zen e natureba, com plantas penduradas na parede, vasos distribuídos pelo chão, muitos livros jogados por todos os cantos e almofadas com tecidos indianos em cima de sofás coloridos.

cinderela-pop-cenario-set-visit Que tal a casa da Tia Helena?

Que tal a casa da Tia Helena? (Gabriela Zocchi/CAPRICHO)

Mal dava para acreditar que na porta ao lado estava o corredor da escola de Cintia, onde acontece um dos bailes da trama. Decorado com fitas coloridas, piso xadrez e fotos dos estudantes na parede, o cenário serviu de fundo para uma conversa entre as personagens Lara e Belinha, interpretadas por Bárbara Maia e Giovanna Grigio. Vimos as duas gravarem a mesma cena algumas vezes, enquanto ficávamos em silêncio, observando por trás das câmeras. Na ocasião Giovanna usava um vestido larguinho com estampas quadradas e coloridas, enquanto Bárbara arrasava com uma vibe mais romântica, num longo azul petróleo com flores cor-de-rosa.

giovanna-griggio-barbara-maia-set-visit-cinderela-pop Bárbara Maia e Giovanna Grigio gravam cena de Cinderela Pop

Bárbara Maia e Giovanna Grigio gravam cena de Cinderela Pop (Gabriela Zocchi/CAPRICHO)

ALMOÇO ENTRE ESTRELAS

Quando o diretor Bruno Garotti gritou “corta” pela última vez para a dupla, fomos convidados a nos juntar ao elenco e à equipe de apoio do filme para o almoço, servido no esquema de buffet em um dos pátios externos da mansão. Foi nesse momento que encontrei todos os atores juntos pela primeira vez. Estavam lá Maisa, Filipe, Giovanna, Bárbara, Fernanda Paes Leme (que interpreta a madrasta de Cintia) e mais um monte maquiadores, figurinistas, cameramen, cenografistas, produtores, todos se servindo, comendo e rindo juntos. Ali já deu para comprovar algo que Fê Paes Leme (FêPa para os íntimos, rs) me falaria mais tarde: “a equipe toda se deu muito bem, nos divertimos muito, fizemos fofocas, dançamos funk no camarim…Por mais que parte do elenco fosse bem mais jovem do que eu, a gente convivia de igual para igual”. Era bem verdade, viu?

De barriga cheia, me sentei com o elenco, o diretor, Paula Pimenta e outros jornalistas em cadeiras em uma das varandas da propriedade para falarmos sobre o filme.

set-visit-cinderela-pop Gabi Zocchi é nossa repórter sortuda que conheceu os sets de filmagem de Cinderela Pop

Gabi Zocchi é nossa repórter sortuda que conheceu os sets de filmagem de Cinderela Pop (Gabriela Zocchi/CAPRICHO)

“Quando eu soube que Cinderela Pop ia virar um longa, praticamente me convidei para interpretar a Cintia”, entregou Maisa logo de cara. “É que, enquanto a gente estava fazendo Tudo Por Um Popstar, o Bruno [Garotti, diretor de ambos filmes] me disse que eles compraram os direitos da Paula Pimenta. Como eu já tinha lido o livro e amado, surtei. Acho que ele viu minha empolgação e me chamou para ser a protagonista”, disse ela, que de início ficou com medo da autora não aprovar sua participação na história. “Mas ela topou, graças ao bom pai”, brincou a atriz.

DAS PÁGINAS ÀS TELAS

Paula, por sua vez, tinha outras coisas maiores com as que se preocupar: será que o roteiro do longa ficaria fiel ao seu livro? “Ver minha obra adaptada para o cinema foi legal e foi ruim”, contou a escritora aos risos. “Como foi meu primeiro livro virando o filme, tive uma dificuldade maior de desapegar do texto literário. Quando recebi o primeiro roteiro quase morri de susto. Mas então aconteceram muitas discussões para lá e para cá e finalmente chegamos num meio termo que me deixou muito satisfeita. Ver os personagens que eu criei ganhando vida foi muito emocionante”, completou ela.

Mas se você é fã do livro, pode ficar calma: Paula e o resto do elenco garantem que o longa ficou bem fiel, viu? Os fãs, inclusive, tiveram uma importância enorme para a equipe que estava fazendo o filme, tanto é que algumas opiniões da galera foram levadas em consideração no meio das gravações mesmo.

“Tivemos alguns momentos engraçados. Em um dos primeiros dias de filmagem, mostrei o Filipe caracterizado como Fredy nos meus Stories e recebi uma enxurrada de comentários das leitoras perguntando onde estava o tênis All Star dele, porque ele estava com outro modelo de sapato. Eu nem lembrava desse detalhe do livro, mas demos um jeito e trocamos os tênis dele na hora”, entregou a escritora.

camera-set-visit-cinderela-pop “GRAVANDO!”

“GRAVANDO!” (Gabriela Zocchi/CAPRICHO)

Conversamos mais um tanto com eles (o resultado desse papo você confere em breve em outras matérias aqui no site da CAPRICHO) e, antes de ir embora, ganhamos mais um presente: tivemos a chance de ver Maisa em cena. O trecho em questão era do momento em que Cintia perde seu sapatinho de cristal All Star customizado, que mais tarde Fredy encontrará e usará para ir atrás dela. Apesar de simples, acredite se quiser, a cena foi gravada ao menos 20 vezes – e não foi porque Maisa esqueceu suas falas ou algo do tipo (afinal, ela é uma estrela, né, bebê?), mas porque o tênis precisava cair exatamente na mesma posição T-O-D-A-S as vezes. Haja paciência. Mas isso é que é cinema, minha gente!

Cinderela Pop estreia nos cinemas em 28 de fevereiro.

 

*A CAPRICHO viajou ao Rio de Janeiro a convite da produtora Panorâmica.

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s