Como Perder Um Cara Em 10 Dias: um guia da conquista ao contrário

Na comédia estrelada por Kate Hudson e Matthew McConaughey, a gente descobre que o jogo do amor verdadeiro não tem regras

No amor, a gente pode até tentar planejar, mas tudo acontece ao acaso mesmo. E o filme Como Perder Um Homem Em 10 Dias, lançado em 2003, é a prova disso.

Na história, o publicitário Ben Barry (Matthew McConaughey) precisa fazer uma mulher se apaixonar por ele em apenas 10 dias. Só assim ele vai ganhar o comando de uma milionária campanha de diamantes da agência em que trabalha. Já a jornalista Andie Anderson (Kate Hudson) é desafiada, na revista feminina em que trabalha, a fazer uma reportagem sobre como infernizar a vida de um cara e conseguir que ele perca o interesse nela em, adivinha?, também em 10 dias. Hmmm… Isso (não) vai dar certo…

Ah, como não amar as comédias românticas? Só num filme como esse, duas pessoas com missões totalmente opostas se encontram num bar e fazem um do outro o alvo perfeito. Andie, uma garota independente e poderosa, vai se transformar na pior e na mais grudenta das namoradas para afastar Ben. Vai ser chorona, exigir atenção 150% do dia e fazer todo tipo de chantagem emocional – tipo pedir pra ele cuidar de uma plantinha que representa o amor deles rs – com o publicitário.

Já Ben, famoso por ser pegador e não se envolver com ninguém, se dedica a ser o namorado mais perfeito do mundo. Retorna ligações, é mega atencioso, enfim, faz tudo aquilo que não está acostumado a fazer.A situação, obviamente, vai tirar Andie do sério. Como pode ela estar sendo tão chata e esse cara se mostrar todo interessado?

Dirigida por Donald Petrie, o mesmo de Miss Simpatia (2000) e Sorte No Amor (2006), Como Perder… é uma grande brincadeira com as táticas que usamos na hora da conquista. Se fazer de difícil é garantia de que o garoto vai te ligar depois? Ser uma pessoa fofa e apaixonada quer dizer que você quer namorar? A história de Ben e Andie é uma prova de que, mais do que os joguinhos de amor que a gente faz, o que une duas pessoas são as afinidades que elas descobrem entre si. E a intimidade que constroem conforme convivem juntas. Fofo demais!

E uma das cenas mais famosas do filme – a gente não pode falar qual é sem dar spoilers – é embalada por um clássico da música de vingança. Se você acha que Taylor Swift é boa em letras para os ex-namorados, tem que ouvir You’re So Vain, da americana (e musa da Tay) Carly Simon. A cantora teria escrito a música para Warren Beatty , um famoso ator de Hollywood com quem ela teve um romance. É, todo mundo tem seu Harry Styles… (risos). Dá uma olhada no clipe original!

xxxxxxxxxxxxxxxxxx

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s