7 coisas que você precisa saber sobre o primeiro dia do Lollapalooza 2014

Terceira edição do festival teve início neste sábado (5), no autódromo de Interlagos, em São Paulo

1. Morrinho da foto

O palco principal do Lollapalooza Brasil , o Skol, causou um fenônemo engraçado ao longo do dia. Cercado por um barranco, ele proporcionou as melhores selfies e fotos do festival.

Todo mundo que entrava e chegava na beira do morrinho, que tinha o palco ao fundo, fazia questão de dar uma paradinha por ali e registrar aquela imagem com a melhor vista do Lolla.

2. Caminhada sem fim

Quando falaram que os palcos eram bem distantes uns dos outros parecia exagero, mas na prática deu pra sentir (nas pernas) que era tudo verdade.

Com o grande público (80 mil ingressos esgotados) e poucas rotas alternativas para se locomover de um palco para o outro, o percurso chegava a demorar cerca de 50 minutos, principalmente se você quisesse ir do Interlagos para o Onix, por exemplo.

O terreno acidentado, que favoreceu a visão dos shows, castigou quem se arriscou a ficar indo de um local para o outro, numa tentativa de aproveitar ao máximo a oferta de bons artistas.

3. Boas opções de comida

Uma das coisas mais criticadas das duas primeiras edições do Lollapalooza Brasil, a comida da edição 2014 foi diversificada e estrategicamente espalhada pelo autódromo de Interlagos.

O Chefs Stage só tinha grandes filas nas disputadas barracas de hambúrguer, quem quisesse comer comida mexicana, uma paella, por exemplo, não sofria com a espera.

Food trucks também foram posicionados no palco Onix, além de barracas com mais comida, no estilo fast-food, presentes em todos os palcos, quase que ao lado dos bares.

4. Veteranos x novatos

O primeiro dia de Lolla 2014 viu novatos como Imagine Dragons, Lorde e Cage the Elephant, arrastarem multidões, deixando por muitas vezes shows de veteranos com um público bem menor que o deles.

Os mexicanos do Café Tacuba perderam feio em público para o Cage the Elephant, que só perdeu em lotação no palco Onix para o Imagine Dragons .

O Nine Inch Nails, que fez uma das melhores apresentações do primeiro dia, teve seu público reduzido a apenas seus fãs, já que muita gente preferiu garantir um bom lugar para ver o Muse no palco principal.

Aliás, enquanto o Muse concentrava quase toda a atenção, o rapper Kid Cudi colocava todo mundo pra dançar e cantar muito no palco Perry. Ele chegou a dizer que era o único representante da cena rap do festival e se emocionou com o carinho dos brasileiros.

5. Muse lembra Kurt Cobain

Neste sábado, 5 de abril, completou 20 anos da morte do vocalista do Nirvana, Kurt Cobain.

E quem achava que a homenagem ao Kurt seria feita pelo Cage the Elephant se enganou, foi o Muse que lembrou a data e tocou Lithium.

6. Transporte público funcionou… e bem!

Perry Pharrell falou várias vezes que o transporte público era a melhor opção para chegar ao autódromo de Interlagos. E foi mesmo, principalmente para quem usou trem e metrô.

A estação Autódromo da CPTM não ficava apenas 6 minutos da entrada do festival, mas com uma caminhada de 15 minutos era possível chegar, de boa, ao Lolla.

E, sim, nós fizemos o teste e fomos embora de trem. A viagem até a estação Pinheiros do metrô é demorada, mas deu pra ser feita numa boa, sentado até.

7. Fica esperto!

Quer ir e voltar de boa? Programe-se para chegar cedo ao festival, de preferência antes das 16h, horário de maior fluxo de chegada. E, na hora de ir embora, tente sair pelo menos 15 minutos antes do show principal acabar. Sei que é difícil abandonar a banda que a gente ama, mas vale a pena o sacrifício.

Quer comer e beber sem perrengues? Assim que chegar no Lolla, já vá até caixa e compre o número de fichas suficientes para o dia todo. Isso vai te economizar tempo e paciência.

Não adianta, os grandes festivais na gringa sempre montam programações com shows incríveis marcados para o mesmo horário, como aconteceu este ano no Lollapalloza Brasil. O jeito é desapegar e selecionar bem.

Uma dica é tentar pegar pelo menos 20 minutos das apresentações de bandas/artistas que você não curte muito e escolher as prioridades, aqueles que você vai ver inteiro.

Como já dissemos lá em cima, os palcos são distantes uns dos outros, então vá com roupas leves, tênis bem confortável e não esqueça de beber muita água, durante a tarde faz muito calor e a caminhada pode te deixar desidratado.

Última dica: vá com disposição e se conforme, você vai andar muuuuuuito!

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s