5 motivos para começar a assistir Unbreakable Kimmy Schmidt

Estrelada por Ellie Kemper, comédia do Netflix é uma das grandes surpresas do ano

1. O enredo surreal

Quatro mulheres passam 15 anos morando em um abrigo embaixo da terra, como parte de uma seita comandada pelo Reverendo Richard Wayne Gary Wayne, que as fez acreditar que o Apocalipse acabou com toda a vida na Terra. Elas são finalmente resgatas e, ao invés de se vitimizar com a situação, Kimmy Schmidt (Ellie Kemper) decide se separar das outras “mulheres topeiras de Indiana” e tenta a vida em Nova York.

2. Protagonista apaixonante

Ellie Kemper consegue convencer (e muito) no papel da otimista e muitas vezes inocente Kimmy Schmidt. Quem lembra dela em The Office e Bridesmaid não está surpreso por sua capacidade de fazer rir. Na tentativa de deixar de lado o rótulo de “mulher topeira de Indiana”, Kimmy tenta esconder seu passado e dá vários foras, ainda mais no que diz respeito a cultura pop, já que ela ficou 15 anos sem contato com o mundo. Ela não faz ideia do que é uma selfie e nem que Michael Jackson e Whitney Houston estão mortos.

3. Melhor roommate ever

Logo em seu primeiro dia em Nova York, Kimmy esbarra em Titus Andromedon (Tituss Burgess), um artista fracassado desempregado, que sonha em ser uma estrela da Broadway. Eles acabam dividindo apartamento e Titus é o responsável por “ajudar” (quando não aplica pequenos golpes) Kimmy a se adequar ao mundo. Dramático e muito talentoso, Titus rende algumas das melhores piadas da série, principalmente o clipe/música Peeno Noir. Vocês vão entender quando chegarem ao sexto episódio.

4. Dupla de sucesso na TV

Apesar de ter sido descartada pela NBC, Unbreakable Kimmy Schmidt tinha tudo para ser uma comédia de sucesso, tanto que só vem recebendo boas críticas desde que estreou no dia 6 de março no Netflix. E o motivo são seus criadores: Robert Carlock e Tina Fey . Os dois trabalharam juntos no Saturday Night Live e em 30 Rock . Além disso, Carlock foi produtor e roterista de Friends. De comédia eles entendem!

5. Música de abertura

Se preparem para ficar com a canção de abertura de Unbreakable Kimmy Schmidt grudada na cabeça. Não é bem uma música, se trata de uma versão em auto-tune da reportagem do dia em que Kimmy e suas companheiras foram libertadas do abrigo em Indiana. Ela foi feita por Jeff Richmond (compositor de 30 Rock e marido de Tina Fey) em parceria com os Gregory Brothers, galera que ganhou fama fazendo esses virais no YouTube, transformando notícias em músicas.

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s