Wilmer Valderrama ficou “em choque” ao saber de overdose de Demi Lovato

Fontes disseram que o ator, que namorou Demi por seis anos, não achou que ela estava tão mal

Por Gabriela Zocchi Atualizado em 25 jul 2018, 15h58 - Publicado em 25 jul 2018, 15h57

A notícia de que Demi Lovato sofreu uma overdose não surpreendeu apenas as fãs. De acordo com a People, o ex-namorado da cantora, Wilmer Valderrama, “está em choque” com os últimos acontecimentos.

2016 Vanity Fair Oscar Party Hosted By Graydon Carter - Arrivals
Wilmer Valderrama e Demi Lovato namoraram por seis anos. Pascal Le Segretain/Getty Images

“Ele sabia que ela estava passando por momentos difíceis, mas não estava preparado para isso”, contou uma fonte próxima ao ator à publicação. “Ele a viu em muitos altos e baixos e era o porto seguro em alguns dos momentos mais sombrios dela. Vê-la voltar a esse lugar tão triste e vulnerável é de quebrar o coração para ele”, completou.

A fonte contou que Wilmer “sempre se importou profundamente com ela” e que eles continuaram amigos mesmo após o término do relacionamento, que durou seis anos, entre idas e vindas.

“A Demi sempre esperou que eles fossem acabar voltando no futuro. Ele é o amor da vida dela e vice-versa”, revelou. A própria cantora confirmou isso no documentário dela, Simply Complicated, que saiu no ano passado.

Demi sofreu uma overdose em sua casa em Hollywood Hills, na Califórnia, na última terça-feira (24). Por volta do meio-dia no horário local, paramédicos receberam uma ligação de emergência. Ao chegarem na casa, eles teriam encontrado a cantora desacordada e utilizado um medicamento chamado Narcan, usado para reverter os efeitos da overdose de opioides, para reanimá-la. Ela então foi levada para o hospital, onde segue internada. De acordo com um representante, Demi já está bem e cercada de sua família.

Continua após a publicidade

Publicidade