Top 5 Brits: As séries da terra da rainha que você precisa assistir!

Por Da Redação Atualizado em 17 ago 2016, 12h50 - Publicado em 18 dez 2015, 16h44

Episodes – Nível ★: Quero sentir qual é a deles

Já falei aqui no blog sobre Episodes, mas ela é uma boa introdução ao universo das séries britânicas, porque ela não é tão britânica assim. Se você só está acostumada a assistir The Big Bang Theory no sofá e deu uma checadinha nas maratonas de Friends, esse é um bom caminho. A trama narra a história de um casal de roteiristas ingleses que, depois de ganhar o BAFTA (o Oscar de lá), é convidado a fazer uma versão americana para a própria série. O problema é que a emissora escolhe um ator famoso… Um tal de Matt LeBlanc, que um dia foi o Joey de Friends.

Parece confuso e familiar? Pois é, a série é uma história ficcional sobre a vida real do cara, que acaba causando na vida do casal. Super divertida!

 

 

Him & Her – Nível ★★: Avançando…

Him & Her é ideal para quem não quer enfiar o pé na jaca “britanidade” logo de cara: tem formato de sitcom e conta a história de um casalzinho fofo e muito cheio de preguiça vivendo junto. A série tem quatro temporadas com 5 a 7 episódios cada, o que é super razoável para começar a assistir, né?

A parte ruim? A quarta temporada foi a última e acabou agora em dezembro. Mas ela amarra direitinho a história do casal, com cada ano sendo um passo importante na relação deles. Bem ♥!

 

 

Sherlock – Nível ★★★: Curto os clássicos da cultura de lá

Inteligência, sarcasmo e histórias mirabolantes: acho que o melhor jeito de explicar Sherlock para vocês é lembrá-los de House, MD. Não tem como não se apaixonar um pouco pelo personagem de Benedict Cumberbatch, que é tão incrível e talentoso quanto Hugh Laurie. Aliás, se tentarem lembrar, House foi mesmo super inspirada nos livros sobre Sherlock Holmes.

O clima de mistério e as muitas reviravoltas prendem a atenção. Não quero dar spoiler para ninguém, mas o retorno do personagem para esta atual temporada foi super comemorado nas~ internets~ da vida. Se eu fosse vocês, daria uma chance!

(Ai, obrigada por continuar existindo, Sherlock!)

Continua após a publicidade

 

 

Doctor Who – Nível ★★★★: Quero ser brit

Doctor Who é provavelmente a melhor série britânica evertalvez só perca em alguns momentos para o Monty Python Flying Circus, uma espécie de Sartuday Night Live do Reino Unido nos anos 70. E, sendo a melhor, também é a mais antiga. Explico já: é que Doctor Who existe desde 1963! A primeira série foi exibida até 1989 e, em 2005, foi ressucitada pela BBC. Aconselho começar pela nova versão, é claro. E não encane: não existe nenhum prejuízo para a história, já que o Doutor aí do título é, desde o começo, um personagem que assume vários “corpos” ao viajar pelo tempo no comando da nave TARDIS (uma cabine de polícia azulzinha e bonitinha como aquelas de Londres).

Cada encarnação do Doutor é vivida por um ator diferente e costuma ganhar uma nova ajudante. Mesmo se você não fizer o tipo fã de ficção científica, pode curtir bastante a interação sempre engraçada e fofa entre os dois. Ultimamente, Doctor Who voltou a bombar já que, neste mês, habemos um novo Doutor! o/

Bye, Matt Smith, sentirei sua falta.

 

 

Downton Abbey – Nível ★★★★★: Já estou no clima

Se Doctor Who é a melhor série, Downton Abbey é a mais britânica de todas as séries. Sabe aquela carinha de coisa antiga, o humor sutil, os dilemas morais… Enfim, a pegada Orgulho e Preconceito da vida? Pois é este o clima da produção, que já tem quatro temporadas. (Bom volume de episódios para fazer uma maratona, hein! #ficadica)

Só para vocês entenderem: a trama se passa no começo do século 20 e mostra os dramas e os bafos de uma família aristocrática. Alguns fatos reais – tipo Titanic afundando – são citados às vezes para dar um contexto. Então, super dá para se orientar e entender melhor o mundo em que eles vivem. É como se fosse Brothers & Sisters, mas de um jeito brit.

 

E aí, já encararam alguma? O que acharam? 

 

Um beijo,

Mari

Continua após a publicidade

Publicidade