Os participantes do BBB20 vão poder usar um celular dentro da casa!

Rolam boatos de que Manu Gavassi e Júlio Cocielo também estão entre os participantes. Será?

Por Gabriela Zocchi 14 jan 2020, 13h30

Ai, Globo, adianta aí todas as novidades do BBB20, porque estamos morrendo de curiosidade! Nesta segunda-feira (13), foi revelado que na nova edição do Big Brother Brasil terá uma novidade que promete balançar as emoções na casa: é que os participantes poderão usar um celular enquanto estiverem por lá. WHAT?!

Tiago Leifert diz que momentos polêmicos no Big Brother Brasil 19 estão sendo avaliados
Foto: TV Globo/Reprodução

Mas calma, porque também a vida não será tão facilitada assim…Não será um aparelho comum e ele não terá nenhuma ligação com o mundo de fora do programa. A ideia é que os brothers usem o celular para se informarem do que rola somente dentro da casa, através de um recurso chamado #FeedBBB. Os participantes vão poder produzir conteúdo lá dentro e compartilhá-los nessa espécie de rede social, que funcionará mais ou menos como o Instagram. Tudo será reproduzido em tempo real em uma tela na sala, para que os outros possam ver.

O “queridômetro”, que mostrava a popularidade dos participantes com o público, também vai voltar e a galera confinada vai poder até mandar emojis, que vão desde corações a cobras e bombas, para os coleguinhas.

  • Quer mais? De acordo com o site Notícias da TV, a Globo ainda estaria negociando a participação de algumas pessoas pro reality, entre elas Manu Gavassi e Júlio Cocielo. Será?! Vale lembrar que a esposa do influencer, Tatá Estaniecki, está grávida de seis meses, o que significa que, se ele topar participar do programa e ficar até o fim, pode perder o nascimento da própria filha.

    View this post on Instagram

    Tal qual uma lima rara da Pérsia toda de @tritonoficial pra dar uma passeada pela ilha 🍋🌴 obrigada @carvalheira !

    A post shared by Manu Gavassi (@manugavassi) on

    Vocês estão sentindo um cheio de queimado vindo do parquinho? O BBB20 estreia em 21 de janeiro.

    Continua após a publicidade
    Publicidade