Liam Payne fala sobre 1º álbum e membros da 1D: “Não temos tanto em comum”

E garantiu que pretende voltar em breve pro Brasil!

Por Amábile Reis - Atualizado em 5 nov 2019, 20h05 - Publicado em 5 nov 2019, 10h50
Reprodução/Instagram

Já anote na agenda: no dia 6 de dezembro, Liam Payne lançará o seu novo álbum, LP1. E é claro que, com isso, a CH não poderia perder a oportunidade de conversar com o cantor para descobrir todas as novidades do trabalho. Olha, o papo rendeu tanto que o britânico até comentou sobre a sua relação com os membros da One Direction e bateu o martelo: “Os fãs brasileiros são os mais apaixonados do mundo”. Vem ver!

“Levou mais de dois anos para gravarmos o álbum do começo ao fim. Foi muito divertido e difícil ao mesmo tempo. É difícil escrever músicas sobre você. É mais complicado escrever músicas que sejam pessoais. O álbum é inspirado em um CD que eu escutava muito quando era mais novo, do Justin Timberlake, Justified (1º álbum solo de JT)”, começou explicando Payne. Já dá para imaginar que será babado, né?

Por exemplo, para você sentir o poder da lista de músicas que estarão presentes no LP1, tanto Stack It Up quanto Strip That Down contam com a colaboração de ninguém mais, ninguém menos que Ed Sheraan.

Na primeira, o ruivo é um dos autores da letra. Já na segunda, faz parte dos backing vocals. Sobre trabalhar com um cara tão talentoso, Liam contou: “É bem incrível. É maravilhoso ver um artista com o reconhecimento dele querer escrever uma canção para mim. É supertranquilo trabalhar com ele. A gente conversava sobre várias coisas. Ele é um bom amigo”. Fofos!

E, ainda que não tenha rolado, Liam deu a deixa com quem amaria gravar no futuro. “No momento, para mim, a colaboração dos sonhos seria com Post Malone. A música dele é muito meu estilo e ele é um cara bem legal”. Como negar após o show ao lado de Kevin O Chris? Hahaha! De qualquer maneira, o feat. seria perfeito. OLÁ, POST MALONE, AJUDA A GENTE!

View this post on Instagram

Continua após a publicidade

My acoustic version of #StackItUp is out now everywhere! Thank you for all the support on the song so far. Keep an eye out for a big announcement soon…

A post shared by Liam Payne (@liampayne) on

Embora falte um pouquinho mais de um mês para o lançamento do álbum, o cantor revelou para a CH que ainda não tem planos para uma turnê. “Não sei quando farei uma tour. Eu me apresento faz um tempo sozinho. A pressão fica inteira em você. Não tem ninguém lá para te dar um apoio, que é a parte legal da banda. Mas você também vê as pessoas animadas com a sua performance, então estou animado”, esclareceu.

Já que ele tocou no assunto da banda, resolvemos perguntar como estava a relação dele com os membros da One Direction. Recentemente, em uma entrevista, Liam falou que detestava Louis Tomlinson no começo da 1D. E explicou o motivo por trás disso: “Às vezes, você é inimigo de uma pessoa por ela ser tão parecida com você e cria essa situação estranha de espaço entre vocês. Com o tempo, fomos descobrindo coisas que tínhamos em comum e que gostávamos das mesmas coisas. Viramos amigos sem perceber que tínhamos nos tornado amigos. Desde a época da banda, ele é meu melhor amigo, sempre estamos presentes um pro outro”. T-U-D-O para nós, gente!

Imagem:/Reprodução

Sobre Harry Styles e Niall Horan, a história foi diferente, viu? “Eu não tenho falado com o Harry.  Não acho que temos tantas coisas em comum. Acredito que as pessoas pensem que temos porque trabalhamos juntos, mas não. Eu não tenho nada contra ele, gosto das músicas novas dele. Eu acho que o Niall me mandou mensagem, mas nós estamos sem tempo. E nós não somos amigos que preciso ficar em cima, nos falamos quando necessário”, comentou.

Se você está superansiosa pela volta de 1D, é melhor ficar calma. “Sem planos no momento, nós não pensamos nisso porque não pretendemos voltar tão rápido”. Poxa, crush…

Para fechar, Liam deixou um conselho para as fãs: “Eu acho que os jovens colocam muita pressão neles mesmos. Acho que vocês têm que sair mais, curtir a sua companhia e se preocupar um pouco menos. Tirar a pressão dos ombros de vez em quando. Obrigada por todo o apoio até agora e eu espero voltar em breve, tenho memórias incríveis neste país”. VOLTA MESMO, MOZÃO!

Continua após a publicidade
Publicidade