Liam Payne diz que experiência com One Direction foi um pouco tóxica

O cantor falou sobre como a carreira trouxe momentos muito difíceis

Por Mel Trench - Atualizado em 4 jun 2019, 20h26 - Publicado em 4 jun 2019, 18h02

As coisas não são tão simples como pensávamos! Liam Payne deu uma entrevista à revista Men’s Health Australia e abriu o coração sobre sua experiência com o One Direction. O cantor comentou que passou por momentos muito difíceis, nos quais se sentia sozinho, e acabou descontando no álcool: “Teve momentos em que as coisas ficaram um pouco tóxicas”.

“Quando você está fazendo vários e vários concertos e são sempre as mesmas 22 músicas, na mesma hora e todos os dias, mesmo que você não esteja feliz, você precisa continuar”, disse o artista. Complicado… Ele também comentou que foi difícil lidar com toda a fama que a banda teve. Apesar desse depoimento, Liam admitiu que teve diversos momentos bons ao lado dos outros integrantes.

O cantor deixou claro que acredita que o problema é a indústria musical: “Muitas pessoas têm problemas com a saúde mental e não estão sendo auxiliadas do jeito que precisam e eu acho que isso é um problema da nossa indústria. É a mesma m*#d@ que acontece com todo mundo desde os anos 70. Você sabe quais são as armadilhas, e se você for sortudo o suficiente como eu, que consegui sair desse cenário e voltar ao senso de normalidade, você entende como é”, desabafou.

Pelo menos sabemos que agora está tudo bem com ele!

Continua após a publicidade
Publicidade