Estado Islâmico ameaça matar o príncipe George

Informação foi publicada pelo tabloide londrinho Daily Star, que teve acesso a mensagens do grupo como: "Nem sequer a família real se salvará"

Por Da Redação 30 out 2017, 19h20
Príncipe Geroge no primeiro dia de aula
Príncipe George no primeiro dia de aula Richard Pohle - WPA Pool/Getty Images

A família real britânica está sob alerta! Segundo o tabloide londrino Daily Star, o Estado Islâmico ameaçou matar o príncipe George, de 4 anos, terceiro na sucessão do trono.

A publicação contou que teve acesso a um grupo de Telegram no qual foram publicadas várias fotos de George, incluindo imagens da escola que ele frequenta, a Thomas’s Battersea, em Londres, com o endereço exato do local e a seguinte mensagem: “Nem sequer a família real se salvará”.

Além disso, o post teria um mensagem escrita em árabe, que poderia ser traduzida como, “quando a guerra vem com a melodia das balas, nós caímos na descrença, desejando retaliação.”

Após a divulgação das ameaças, a equipe de segurança que acompanha o príncipe George foi reforçada.

Continua após a publicidade

Publicidade