Emma Watson fala sobre ser feliz solteira: “Chamo de parceria própria”

Em entrevista à Vogue Britânica, a atriz falou sobre a pressão de estar quase completando 30 anos

Por Mel Trench Atualizado em 5 nov 2019, 20h20 - Publicado em 5 nov 2019, 18h59

Se tem uma coisa que Emma Watson se tornou, foi uma mulher maravilhosa! Estrela da capa da Vogue Britânica de dezembro deste ano, ela conversou sobre a ideia de ser feliz solteira, contando como a proximidade dos seus 30 anos trouxe uma grande pressão para sua vida, – e mostrou um ponto de vista bem interessante!

  • Atualmente, Emma está solteira e entende o status de um jeito bem diferente do que pensava no passado: “Nunca acreditei no discurso de ‘sou feliz solteira’. Eu ficava tipo, ‘Isso é totalmente discurso.’ Demorei muito tempo, mas estou muito feliz [por estar solteira]. Eu chamo isso de parceria própria“, explicou. Que mensagem! Dá para perceber que ela está completamente tranquila em relação a isso, né?

    View this post on Instagram

    ❤️🌳🍁❤️

    A post shared by Emma Watson (@emmawatson) on

    Por estar com 29 anos, ou seja, pertinho dos 30, ela contou que se sentiu muito estressada e pressionada por não seguir o padrão que a sociedade impõe sobre estar com “a vida feita” nessa idade. O motivo? “Percebo que é porque de repente existe um fluxo sangrento de mensagens subliminares por aí. Se você não construiu uma casa, se não tem marido, se não tem um bebê e está completando 30 anos e não está em um lugar incrivelmente seguro e estável em sua carreira, ou está ainda tentando descobrir as coisas… Há uma quantidade incrível de ansiedade“, disse. Bom, se até Emma, que é uma mulher com privilégios, teve essa preocupação, é porque existe algo para mudarmos.

    Vale lembrar que a atriz estará no longa Adoráveis Mulheres, que conta com Saoirse Ronan e Timothée Chalamet, além da direção de Greta Gerwig.

    A produção estreia dia 9 de janeiro nas telinhas brasileiras!

    Continua após a publicidade
    Publicidade