Apostando em qualidade, Jay-Z lança seu serviço de streaming de música

Rapper lançou hoje o Tidal, com apoio de grandes nomes do pop como Madonna, Rihanna e, claro, Beyonce

Por Gabriel Justo | Fotos: Reprodução Atualizado em 17 ago 2016, 15h55 - Publicado em 30 mar 2015, 18h40

Para concorrer com gigantes como Spotify, Deezer e iTunes, Jay-Z lançou o Tidal (lê-se taidou) na tarde desta segunda-feira (30). Unindo as funções de streaming de música e de apps como o Shazam, o novo serviço aposta ainda na maior qualidade do áudio para conquistar clientes um pouco mais exigentes.

Para você ter ideia, o Tidal promete transmitir música em até 1411Kbps, que equivale a mais de 3x a qualidade máxima do Spotify, por exemplo. O serviço também deve oferecer clipes e curadoria de música para os assinantes, além de vídeos exclusivos de shows, clipes e entrevistas.

No evento de lançamento, que rolou agora há pouco em Nova York, só gente pouco importante: Alicia Keys, Arcade Fire, Beyoncé, Calvin Harris, Coldplay, Daft Punk, Jack White, Jay-Z, Kanye West, DeadMau5, Madonna, Nick Mianj, Rihanna, Usher… Tipo, se caísse uma bomba ali, acabou o pop, né?

Antes do lançamento a empresa divulgou um vídeo em que vários artistas se reúnem em volta de uma mesa, como se estivessem preparando algo muito importante.

A hastag #TidalforAll alcançou os trending topics bem rápido depois que vários artistas que aparecem no teaser – entr eles, Madonna, Nicky Minaj, Calvin Harris, Rihanna … – mudaram seus avatares no Twitter para um quadrado azul turquesa e anunciaram o lançamento do serviço.

Inicialmente, o Tidal oferece dois planos de assinatura pra quem deseja ter o serviço, a $10 e $20 dólares – este último, com qualidade máxima de som e os tais vídeos exclusivos. É possível testar qualquer um dos dois, gratuitamente. por 30 dias.

Continua após a publicidade
Publicidade