Amy Schumer e Emily Ratajkowski são detidas em protesto nos EUA

As atrizes protestavam contra a indicação de Brett Kavanaugh, acusado de assédio sexual por várias mulheres, para a Suprema Corte dos Estados Unidos

Por Da Redação 5 out 2018, 14h15

As atrizes Amy SchumerEmily Ratajkowski foram detidas pela polícia nesta quinta-feira (4) enquanto protestavam em Washington D.C., nos Estados Unidos.

As duas se juntaram a outros manifestantes que reclamaram, dentro do prédio do Senado americano, em Capitol Hill, contra a indicação que o presidente Donald Trump deu para que Brett Kavanaugh se tornasse um juiz da Suprema Corte dos Estados Unidos. Acontece que o homem foi acusado de assédio sexual por algumas mulheres, como Anita Hill e Christine Blasey Ford.

A notícia foi dada em primeira mão pelo TMZ, mas depois confirmada pelas próprias atrizes em suas redes sociais. “Hoje fui presa protestando contra a indicação de Brett Kavanaugh à Suprema Corte, um homem que foi acusado por várias mulheres de assédio sexual. Homens que machucaram mulheres não podem mais ser colocados em posições de poder”, escreveu Emily em seu Instagram.

View this post on Instagram

Today I was arrested protesting the Supreme Court nomination of Brett Kavanaugh, a man who has been accused by multiple women of sexual assault. Men who hurt women can no longer be placed in positions of power. Kavanaugh’s confirmation as a Justice of the Supreme Court of the United States is a message to women in this country that they do not matter. I demand a government that acknowledges, respects and supports women as much as it does men.

Continua após a publicidade

A post shared by Emily Ratajkowski (@emrata) on

Ela continuou: “a confirmação de Kavanaugh na Suprema Corte dos EUA é uma mensagem às mulheres desse país de que elas não importam. Eu exijo um governo que reconheça, respeite e apoie mulheres da mesma forma que homens”, completou.

Amy, por sua vez, postou apenas algumas fotos do protesto com a seguinte legenda: “Isso hoje, e então #ERA”, sigla usada em defesa de uma nova emenda a favor da igualdade de direitos.

View this post on Instagram

This today, then #ERA

A post shared by @ amyschumer on

Não se sabe ao certo se elas chegaram a ser acusadas de algum crime, nem mesmo o motivo pelo qual as atrizes foram detidas. O mais provável é que tenha sido por “perturbação de paz” ou “invasão”. De acordo com o jornal The Guardian, mais de 300 pessoas foram detidas ao lado das atrizes em Washington.

  • Os protestos aconteceram em diversas cidades dos Estados Unidos, enquanto senadores votavam se aprovavam ou não o avanço da indicação de Kavanaugh. A votação final acontecerá neste sábado (6).

    Continua após a publicidade
    Publicidade