“A Bru Marquezine é talentosa, linda e tem um brilho a mais”, diz Gui Leicam

Em entrevista à CAPRICHO, o Laerte de Em Família falou sobre os bastidores da nova novela das 9h e sua relação com seu par romântico na trama.

Por Entrevista: Raisa Carlos de Andrade Atualizado em 17 ago 2016, 13h03 - Publicado em 5 fev 2014, 12h30

Gui Leicam dá vida ao flautista Laerte na segunda fase de Em Família , nova novela das 9h. O personagem é muito ciumento e vai viver uma relação tensa com a namorada Helena, vivida por Bruna Marquezine . Durante a festa de lançamento da novela, conversamos com o ator, que revelou os bastidores das gravações, deus alguns spoilers sobre o que vai rolar e foi cheio de elogios sobre Bruna!

Gui garante que não é ciumento como Laerte. Crédito foto: Reprodução Instagram.

O que você pode dizer sobre o Laerte?

Ele é um cara legal, apaixonado pela Helena, mas é impulsivo e não pensa antes de agir. Por ser muito ciumento ele não consegue controlar e afeta a todos, constrangendo sua família. Para o Laerte, a Helena (Bruna Marquezine) é a grande provocadora porque ele só quer ter paz e poder amá-la, mas, se ela olha para o lado, ele se sente no direito de não deixar isso acontecer. Eu sou completamente diferente. Sou muito racional, tranquilo, do tipo ?amor e filosofia?.

Você se preparou para o Laerte?

Demais, com muito carinho. Até passei noites sem dormir para ficar com os olhos vermelhos do Laerte, quando ele tenta enterrar o amigo. Nada ali é falso. Procurei testar o meu corpo para que ficasse bem verdadeiro.

Gui e o elenco passaram 20 dias em Goiás Velho para gravar a novela. Crédito foto: Reprodução.

Como foi a viagem para Goiás?

Foi maravilhosa! Ficamos 20 dias em Goiás Velho. É uma cidade tranquila e é bom sair da cidade grande, desse trânsito. Consegui descobrir muito a alma do personagem, eu encontrei muito o Laerte. Quando não rolava gravação, a gente se divertida, pegava fruta no pé, fazia roda de violão. Não teve dor de cabeça, só o calor intenso da cidade, essas coisas que a gente não espera na hora de fazer uma externa.

É bom para o clima entre o elenco, né?

Acho que foi o principal workshop. A gente fez vários, aliás. Fui para São Paulo estudar com o João Carlos Martins, que é músico clássico, mas o maior workshop foi ficar perto da galera. A gente ficou numa pousadinha tão aconchegante e, quando saíamas de lá, era tanto calor que todo mundo ia tomar banho de piscina junto.

Continua após a publicidade
Gui, Alice Wegmann, Bru Marquezine e Fernando Rodrigues são superamigos! Crédito fotos: Reprodução/ Divulgação Rede Globo.

De quem você ficou mais próximo?

Da Bruna, porque eu contraceno 80% do tempo com ela. Eu já era próximo da Alice (Wegmann, que interpreta Shirley), e o Nando (Fernando Rodrigues, o Virgílio) virou meu irmão.

Qual foi a cena mais difícil de fazer até agora?

Foi uma cena em que ficamos 12 horas para gravar sem dublê. Era uma cena de briga, quando o Laerte chega a pensar que matou o melhor amigo. Ele acha que o cara morreu, arrasta o corpo. Era um dia inteiro de cena.

Gui e Bruna formam o casal perfeito… na ficção! Hehe. Crédito fotos: Divulgação Rede Globo.

Como é trabalhar com a Bruna Marquezine?

A Bruna é uma excelente atriz. Ela me passa muita emoção na cena, a gente troca muito. Trabalhar com pessoas com esse tipo de brilho é algo que não tenho nem como explicar. Ela é linda, talentosíssima e tem um brilho a mais. Ela é uma estrela.

Você se despede na primeira fase ou volta na segunda?

Não sei. Todo o elenco da primeira fase foi contratado para fazer a segunda. Se rolar algum tipo de flashback, vou achar maravilhoso, porque vou querer viver o Laerte de novo. Não consigo me desapegar dele.

Quem aí já está viciada na novela Em Família ?

Continua após a publicidade
Publicidade