2ª temporada de Bridgerton equilibra mudanças com detalhes do livro

Para fãs dos livros, será encantador se deparar com referências de O Visconde Que Me Amava, já outras cenas podem frustrar por diferenças no enredo

Por Anny Caroline Atualizado em 21 mar 2022, 20h54 - Publicado em 21 mar 2022, 18h42

Para quem leu O Visconde Que Me Amava, a 2ª temporada de Bridgerton pode ser ainda mais intensa e uma montanha-russa de emoções. Entregando cenas muito parecidas com as do livro, mas também apresentando diferenças significativas, os novos episódios da série que se tornou um fenômeno mundial vem para conquistar o público mais uma vez ao trazer o foco da narrativa para Anthony Bridgerton e Kate Sharma (Jonathan Bailey e Simone Ashley).

Atenção! Alerta de ~leves~ spoilers da segunda temporada de Bridgerton.

Simone Ashley como Kate Sharma e Jonathan Bailey como Anthony Bridgerton em cena de Bridgerton; eles estão andando de cavalo lado a lado em uma trilha na floresta enquanto sorriem
Simone Ashley como Kate Sharma e Jonathan Bailey como Anthony Bridgerton Liam Daniel/Netflix/Divulgação

Após os eventos de Daphne e Simon, o irmão mais velho da família Bridgerton decide que está na hora de se casar e, para isso, precisa conquistar uma noiva. O detalhe é que Anthony não pretende ter uma união por amor. Na verdade, o plano dele é apenas encontrar uma noiva que possa assumir o papel de viscondessa ao seu lado, visto que um de seus grandes conflitos durante a temporada é escolher entre dever e coração. Do outro lado, temos a chegada da família Sharma. Kate não tem qualquer intenção de conseguir um marido para si e vai até Londres para encontrar alguém para sua irmã mais nova, Edwina, que valoriza muito sua opinião. Tanto que, qualquer pretendente que queira se aproximar da jovem precisa também agradar a personagem de Simone Ashley.

Determinado a pedir a mão de Edwina, Anthony não se intimida com as alfinetadas de Kate, só que o visconde não esperava sentir uma forte atração pela moça e as faíscas entre os dois são inegáveis desde o primeiro segundo que aparecem em tela juntos. A química do slowburn criado por Jonathan e Simone não poderia ser mais magnética e vai envolver a audiência com as cenas de desejo proibido entre os dois, que geram muita expectativa para ver quem vai se render primeiro. Mas se Simon derreteu corações com a fala “Eu queimo por você” (que é do visconde nos livros!), Anthony não será diferente com “Você é a maldição da minha existência e o objeto de todos os meus desejos“.

Simone Ashley como Kate Sharma e Jonathan Bailey como Anthony Bridgerton em cena de Bridgerton, série da Netflix; Anthony está ensinando Kate a atirar segurando suas mãos e com o corpo atrás dela, que olha para frente com expressão concentrada enquanto ele olha para a personagem; ela usa um conjunto azul com chapéu na mesma cor e ele usa um casaco cinza esverdeado com camisa branca por baixo
Simone Ashley como Kate Sharma e Jonathan Bailey como Anthony Bridgerton em cena de Bridgerton, série da Netflix Liam Daniel/Netflix/Divulgação

Sobre a comparação com a obra original, é sempre bom relembrar que estamos falando de uma adaptação, então é muito improvável que alterações não aconteçam. No caso da 2ª temporada de Bridgerton, que é baseada em O Visconde Que Amava, de Julia Quinn, é possível ver um equilíbrio das diferenças do enredo com fortes detalhes e referências do livro, como o fascínio de Anthony com o cheiro de lírios e sabonete de Kate. Já a famosa cena da abelha está presente, com a mesma essência da original, mas conta com modificações – marcando uma mudança no enredo da série de Shonda Rhimes.

A sequência do jogo de Pall Mall, que não poderia ficar de fora da produção, tem sucesso ao mostrar o ar divertido e mais leve da família. É sempre cativante assistir a dinâmica dos Bridgertons, ainda mais com as breves presenças de Daphne (Phoebe Dynevor) durante a estadia em Aubrey Hall. E por falar em momentos de descontração, Newton, o cachorrinho de Kate, também foi uma adição para entregar situações cômicas na série!

Charithra Chandran como Edwina Sharma, Simone Ashley como Kate Sharma, Luke Newton como Colin Bridgerton, Luke Thompson como Benedict Bridgerton, Jonathan Bailey como Anthony Bridgerton, Claudia Jessie como Eloise Bridgerton, Phoebe Dyvenor como Daphne Basset em cena na segunda temporada de Bridgerton; eles estão em uma área verde aberta observando Anthony fazer uma jogada com um taco de Pall Mall
Jogo de Pall Mall na segunda temporada de Bridgerton Liam Daniel/Netflix/Divulgação

Os mágicos e impressionantes bailes retornam para ser cenário de dramas e escândalos de diferentes núcleos, com mais figurinos e trilhas sonoras – o cover instrumental de Wrecking Ball é um dos momentos mais emocionantes dos novos episódios. Mas é preciso mencionar que, diferente do que foi feito na season 1, agora que já conhecemos outros personagens, a atenção deixou de ficar mais no casal principal e diversos plots receberam tempo de tela.

Continua após a publicidade

Não é algo ruim, mas como cada personagem terá sua temporada de desenvolvimento, às vezes fica fácil se perder um pouco na narrativa por conta do número de histórias sendo contadas ao mesmo tempo.

Nicola Coughlan como Penelope Featherington e Luke Newton como Colin Bridgerton conversando em uma sala de frente um para o outro
Nicola Coughlan como Penelope Featherington e Luke Newton como Colin Bridgerton Liam Daniel/Netflix/Divulgação

Com a rainha (Golda Rosheuvel) e Elouise (Claudia Jessie) ainda investigando Lady Whistledown, os bastidores de como Penelope (Nicola Coughlan) trabalha secretamente como a famosa escritora são revelados e a jovem tem cada vez mais dificuldade para esconder sua identidade agora que a amiga está comparecendo aos eventos da sociedade. Já a relação de Pen e Colin (Luke Newton) também ganhou mais espaço e uma famosa frase que o personagem diz no quarto livro pode ser ouvida em uma cena, abrindo questionamentos sobre quais rumos a história pode seguir no futuro.

Em teoria, o próximo enredo deveria focar em Benedict (Luke Thompson), que teve uma breve relação com Genevieve Delacroix (Kathryn Drysdale) na primeira temporada, mas seguiu em frente com sua vida de libertino focando em seus estudos de Artes nos novos episódios. Será que veremos Sophie, seu interesse amoroso, em breve? Vamos aguardar…

Luke Thompson como Benedict Bridgerton pintando um quadro com desenhos presos na parede ao fundo
Luke Thompson como Benedict Bridgerton Liam Daniel/Netflix/Divulgação

A relação entre as Sharmas também é um ponto de grande destaque na temporada. Edwina tem a personalidade muito mais trabalhada e desenvolvida do que no livro, desempenhando um papel maior no “triângulo” (será que podemos chamar assim?). A verdade é que o foco está concentrado na relação das duas e, apesar do personagem de Bailey não demonstrar qualquer interesse na irmã mais nova, Kate passa por um conflito por conta da aproximação visconde, se sentindo responsável pela alegria de sua família. Já para ele, Edwina seria a noiva ideal, mas seu coração deseja ficar com Kate.

Simone Ashley como Kate Sharma e Charithra Chandran como Edwina Sharma em cena de Bridgerton; as duas estão da mãos dadas dançando em um baile no salão enquanto dão risada
Simone Ashley como Kate Sharma e Charithra Chandran como Edwina Sharma em cena de Bridgerton Netflix/Divulgação

A teimosia e a resistência de ambos em batalhar contra o que realmente querem pela sensação de dever e de fazer aquilo que consideram certo para suas famílias acaba os levando para situações que chegam ao limite, podendo até mesmo gerar certa frustração em quem está assistindo. Para explicar esse traço na personalidade dos protagonistas, a produção busca explorar mais o passado de cada um, mostrando como a morte do pai de Anthony o afetou e os impactos da relação de Kate com sua família.

Com isso, o enredo deve agradar o público que se apaixonou pela série lá em 2020. Algumas modificações podem não agradar os fãs do livro, mas cenas cativantes e cheias de detalhes também vão, com certeza, encantar quem leu as obras de Julia Quinn. Afinal, a história principal da segunda temporada de Bridgerton é sobre Anthony e Kate entendendo que precisam pensar no que querem para si e que precisam ouvir seus corações porque merecem a felicidade tanto quanto qualquer outra pessoa.

*As vendas realizadas através dos links neste conteúdo podem render algum tipo de remuneração para a Editora Abril

Continua após a publicidade

Publicidade