Superpoderosas: conheça a história de Coco Chanel

Os detalhes da mulher que criou uma das marcas mais desejadas do mundo

Por Karolina Pinheiro - Atualizado em 17 ago 2016, 12h29 - Publicado em 16 nov 2013, 15h40

Você, com certeza, já ouviu alguém falar em Chanel. Dos perfumes, das bolsas, das roupas, dos esmaltes… Mas pense rápido: você sabe quem é a francesa Gabrielle? Sim, esse é o primeiro nome da mulher que criou uma das marcas mais desejadas do mundo.

Por que ela é superpoderosa?

Depois da infância humilde num internato, do primeiro emprego como balconista em que aprendeu a costurar e da experiência com a dança num cabaré, Chanel decide que não quer se contentar com a vida que leva e resolve mudar. Ela se apaixona algumas vezes e, com a ajuda desses homens (e muito talento, é claro) consegue transformar uma primeira loja de chapéus em várias boutiques de moda espalhadas pelo mundo.

Por que deu certo?

Continua após a publicidade

Chanel não era óbvia! Enquanto as mulheres de sua época acreditavam num estilo muito feminino, Chanel preferia as peças básicas, muitas vezes, até com cortes que lembravam as roupas masculinas. Esse estilo simples e elegante, conquistou as parisienses. Coco costumava dizer que, no mundo da moda, havia homens que não sabiam como proporcionar o conforto às mulheres

Pra saber mais assistindo

Existem Vários filmes que relatam versões da história de Gabrielle ( a gente tá se sentindo íntima!), o mais recente e aclamado é o Coco antes de Chanel.

Aqui tem o filme dublado completinho. É só dar o play:

Continua após a publicidade

Pra saber mais vendo de perto

Está rolando na OCA, museu localizado no Parque do Ibirapuera, em São Paulo, a exposição The Little Black Jacket. A mostra com fotos feitas por Karl Lagerfeld, estilista da marca, mostra personalidades usando a clássica jaqueta preta Chanel. Bem legal pra perceber como uma peça chave pode combinar com os mais diversos estilos.

Publicidade