Riot Games lança webserie inspirada em League of Legends

Quando jogar se torna tão natural quanto respirar.

Por Isabella Otto Atualizado em 21 ago 2017, 13h34 - Publicado em 6 ago 2016, 10h50
Todo mundo precisa de um escape para tranquilizar a mente, aliviar o corpo, se distrair das obrigações do dia a dia, ficar mais leve. Muitas pessoas encontram esse escape nos jogos eletrônicos, de consoles, online, em formato de RPG. Nos games, as pessoas conseguem se distrair e, muitas vezes, se encontrar. É lindo de ver!
Foto: Divulgação/Degrassi:Next Class
Pensando nisso, a Riot Games, produtora e distribuidora do famoso League of Legends, lançou a segunda temporada da série Live/Play, que está sendo divulgada no YouTube. Serão quatro episódios em formato de documentário, cada um com cerca de 20 minutos. No primeiro, conhecemos a história do gamer Dan Wyatt, mais conhecido na internet como Foxdrop, que superou problemas familiares com a ajuda dos games. Nós também visitamos disputadas lan houses coreanas e descobrimos o poder de uma amizade entre brasileiros, que começou online, através do LoL.

[youtube https://www.youtube.com/watch?v=iubX7sM7uvM%5D

Os episódios serão liberados quinzenalmente no canal League of Legends BR. É possível assistir aos vídeos legendados ativando as legendas diretamente no YouTube. “Criamos esta série de documentários, pois acreditamos que mostrar histórias que acontecem por trás do game é uma forma de compartilhar experiências únicas, pessoais e sociais, de cada indivíduo, e ao mesmo tempo mostrar que há um fator de identificação único na comunidade e uni-los ainda mais”,  afirma Marcio Orlandi, diretor de Produtos da Riot Games no Brasil.
Estamos ansiosas pelos próximos episódios, pois é como se cada um deles nos deixassem mais e mais orgulhosas de encontrarmos nossos escapes nos jogos – e não apenas de sermos “gamers”. E esperamos que a Riot Games se lembre das jogadoras mulheres, que são muitas, nessa segunda temporada de Live/Play.
+ Veja mais: Machismo em League of Legends – Gamers reclamam de nova personagem ‘feia e nada sexy’
Publicidade