O amor de Verão e seus clichês: o que eles e elas acham?

Tem futuro? Como aproveitar o momento? Beijo debaixo d'água é legal?

Por Marcela Bonafé 14 jan 2017, 13h30

Ter um amor de Verão parece coisa de filme, mas acontece na vida real. Você resolve viajar nas férias de final de ano, acaba conhecendo uma pessoa superlegal e passando alguns dias com ela na maior ~vibe~. Conversamos com meninas e meninos que já passaram por isso e contam o que pensam sobre os clichês desse lance (ou seria romance?).

1. Melhores lugares para encontrar um amor de Verão?
summer-love-1
“Praia é o principal lugar: sol, mar, todo mundo feliz! A maioria das pessoas que estão lá sempre ficam de olho se tem alguém que agrada. Mas se você vai para o interior, sempre tem aquele amigo do namorado da prima, que também rola – foi o meu caso. Acho válido você ir para o lugar sem pretensão de achar alguém, essas coisas simplesmente acontecem quando a gente menos espera”, Beatriz França, 18 anos

“Os mais comuns seriam as praias e os parques, lugares que costumam ter mais gente nessa estação do ano. Um lual na praia, a uma balada a parques aquáticos também pode ser, além de shows, inclusive os que rolam na praia, já que têm uma vibe bem alegre e pra cima”, Kevin Willian, 20 anos
amor-de-verao-1

2. Que tal um beijo debaixo d’água?
summer-love-2
“Nossa, sim! É maravilhoso! Mesmo que não dê certo de primeira, pode render boas risadas entre você e o crush. Hahaha”, Mayara Prado, 23 anos

“Já tive algumas experiências de beijos em baixo da água e gostei. Muita gente reclama, mas além de diferente, também acho romântico”, Arthur Barbosa, 19 anos
amor-de-verao-2

3. Pôr do sol romântico: yay or nay?
summer-love-3
“YAYY! Eu sou apaixonada pelo céu e o pôr do sol e já vi um junto de um amor de verão. Fechar o dia vendo o pôr do sol e dando uns beijos é simplesmente a coisa mais fofa”, Beatriz França, 18 anos

“YAAYY. Muito! Mas acredito que só vale a pena se for com uma pessoa que você queira investir e que seja recíproco”, Renan Merlin, 24 anos
amor-de-verao-3

4. Rola algum tipo de compromisso ou nada de se prender?
summer-love-4
“Normalmente, é algo sem compromisso, apenas uma forma de curtir e aproveitar as férias e fazer isso ao lado de uma pessoa que você esteja curtindo. Não é nada mau”, Livia Cardoso, 17 anos

“Depende muito. Alguns viajam para conhecer muitos ‘amores de verão’ e outros querem conhecer só uma para ficar todo o verão. Mas acho que não deve ter compromisso. É legal ter uma certeza de que você tem alguém ali naquele momento e que pode te fazer feliz, mas sem compromisso”, Arthur Barbosa, 19 anos
amor-de-verao-4

Continua após a publicidade

5. E como ficam os amigos que viajaram com você?
summer-love-5
“Vale apresentar o crush para os amigos, sim! É uma ótima oportunidade para se divertir com todos eles ao mesmo tempo. Mas conheça razoavelmente a pessoa antes e saiba se ela vai ficar confortável com a situação”, Mayara Prado, 23 anos

“Rola apresentar, sim! Acredito que se você conheceu alguém legal e está vivendo um romance, nada mais legal do que apresentá-la para os amigos. Ela pode se enturmar e você acaba curtindo mais compartilhando momentos seus com todo mundo. Mas às vezes é bom separar também”, Kevin Willian, 20 anos
amor-de-verao-5

6. Tem chances de subir a serra?
summer-love-6
“Pode sim. Mesmo isso não sendo tão comum, pois geralmente você está viajando e a pessoa também, e provavelmente vocês moram longe e talvez não se vejam outra vez. Mas em alguns casos pode dar muito certo e levar a uma grande história de amor que ultrapassa o verão”, Livia Cardoso, 17 anos

“O futuro só se dá com ações do presente. Se deu certo o seu amor de verão, então pode dar certo em todas as estações do ano”, Arthur Barbosa, 19 anos
amor-de-verao-4

7. Um amor de verão inesquecível?
summer-love-7
“Acho que ir pra viagem sem pretensão de arranjar alguém é o que mais ajuda. Porque você estará lá, numa vibe maravilhosa, e de repente acontece. Não tem sensação melhor! E se rolar o amor de verão, se joga! Não fica pensando muito, não. Pensar demais sempre estraga as coisas”, Beatriz França, 18 anos

“Primeiro: esteja bem consigo mesmo, se arrume de um jeito que você se sinta bonito e bem; Segundo: pare de procurar feito um louco, isso afasta ainda mais as pessoas; Terceiro: deixe rolar, porque tudo o que é forçado e feito às pressas dura pouco; E por último, leia meu livro Não Tão Primos e se inspire, pois ele é um romance adolescente que se passa em uma cidade fictícia onde o o verão é eterno. Hehehe”, Renan Merlin, 24 anos
amor-de-verao-3

Você já viveu um amor de verão? Conte para a gente a sua opinião sobre o assunto nos comentários!

promo-volta-as-aulas2017

Continua após a publicidade
Publicidade