Fim da meia-entrada é aprovada pela Alesp, mas não passará pelo Governo

Muitos já se manifestam com relação ao projeto de lei, especialmente estudantes, mas fiquem tranquilos: a chance de João Dória aprovar é quase nula!

Por Isabella Otto Atualizado em 29 out 2021, 17h48 - Publicado em 29 out 2021, 11h09

Nesta semana, a Assembleia Legislativa de São Paulo, conhecida como Alesp, aprovou o projeto, do deputado e pré-candidato ao Governo de SP Arthur do Val, o “Mamaefalei”, que acaba com todos os tipos de meia-entrada em eventos culturais e esportivos. Para ele, o valor reduzido não aumenta o acesso à cultura de pessoas mais pobres. Na última quinta-feira, 28, contudo, Carlão Pignatari, presidente da assembleia, disse que a aprovação foi um equívoco e que não deve ser aprovada pelo Governo do Estado.

Foto de uma mão segurando dois ingressos para shows
PeopleImages/Getty Images

“Existe uma lei federal que regulamenta, o estado não pode regulamentar esse tipo de benefício ou não. Então, eu vejo que foi um equívoco e eu tenho certeza que a procuradoria jurídica do Palácio vai determinar o veto desse projeto de lei“, declarou em entrevista transmitida pelo Bom Dia SP, da TV Globo, na manhã desta sexta, 29.

O próprio Carlão disse que, caso ainda esteja no cargo e receba o projeto de lei, vai vetá-lo. Pignatari ocupa provisoriamente o lugar do governador João Dória, que está fora por causa de uma viagem. O deputado, contudo, acredita que a PL só chegue na próxima semana. O deputado Carlos Giannazi também se manifestou contra a aprovação pela Alesp: “É inconstitucional, bizarro e patético”, disse.

Para os políticos contrários ao projeto, a justificativa é que ele fere o estatuto do idoso e o direito dos estudantes. Eles ainda alegam que é uma manobra política e que nada tem a ver com a classe artística, que teria pedido o fim do benefício. A ideia era que, com o fim da meia-entrada, todos passassem a pagar o valor reduzido do ingresso – na prática, contudo, a gente sabe que não funcionaria bem assim, né? o_O

Veja o que já foi dito sobre o tema:

Continua após a publicidade

Continua após a publicidade

Continua após a publicidade

Continua após a publicidade

Continua após a publicidade

Publicidade