Envolver o namorado na festa: quando é uma boa opção?

Por Da Redação Atualizado em 17 ago 2016, 14h57 - Publicado em 18 dez 2015, 16h44
Foto: We Heart It
Foto: We Heart It

Quem namora e resolve fazer uma festa de 15 anos sempre fica na dúvida: envolver ou não o namorado no cerimonial? A decisão não é simples, pois sempre rola aquele medinho de magoar o garoto ou de se arrepender depois. Para te ajudar a tomar essa decisão, conversamos com a party planner Patrícia Alencar, que listou três aspectos importante que você deve considerar antes de chamar o gato para ser seu príncipe:

1. Como você se sente (de verdade) com a ideia

A pergunta mais importante é: mesmo que vocês terminem depois de um tempo, você vai gostar de vê-lo nas fotos da sua festa de 15 anos? Parece bobagem, mas você tem que ter certeza de que nada vai estragar suas lembranças do dia mais importante da sua adolescência. “Se, mais do que seu namorado, ele também é seu melhor amigo, não há motivo para deixá-lo fora desse momento tão especial”, disse Patrícia.

2. Tempo de namoro

Antes de pensar em envolver o namorado, pare e pense no tempo em que vocês estão juntos e se o relacionamento é mesmo sério. Não estamos falando que ele tem que ser o cara com quem você vai casar e ter filhos, mas deve ser uma pessoa realmente importante na sua história.

Continua após a publicidade
Foto: We Heart It
Foto: We Heart It

“O grande arrependimento de muitas meninas é olhar para o álbum poucos meses depois da festa e ver fotos do ex-namorado ocupando um lugar de destaque na cerimônia”, disse a organizadora.

3. Opinião dos pais

Converse com seus pais para descobrir o que eles pensam sobre o assunto. “A maioria dos pais não se sente à vontade, pois prefere que o cerimonial envolva apenas a família. Uma solução é chamar um primo ou amigo de infância para a valsa e deixar que o namorado prepare uma surpresa ou homenagem”, sugeriu a party planner. Outra opção é chamá-lo para uma coreografia especial, abrindo a pista de dança, por exemplo. Assim, ele participa da festa de uma forma diferente.

Foto: We Heart It
Foto: We Heart It

“Independentemente do que decidir, sempre converse antes com seu namorado e exponha, de forma clara e sincera, como quer que ele se envolva na festa. Assim, o garoto não ficará perdido e saberá exatamente o que fazer”, aconselhou Patrícia.

Para vocês, o namorado deve ou não participar do cerimonial da festa?

Continua após a publicidade
Publicidade