Blog da Galera: MoriMura conta como é trabalhar com a internet

Gi Facci, da Galera CH, conversou com o YouTuber sobre carreira, internet e planos para o futuro.

Por Da Redação 3 Maio 2019, 12h00

Oi, oi, gente! Tudo bem? Quem está escrevendo aqui para vocês é a Gi Facci, da Galera CAPRICHO. Vim trazer uma matéria bem legal! Conseguimos entrevistar o YouTuber MoriMura e vou contar para vocês como foi.

Facebook/Reprodução

Para quem não conhece, o Mori é criador de conteúdo e tem um canal no YouTube com quase 2 milhões de inscritos. Vamos conhecer mais um pouquinho sobre ele? Confira a entrevista:

Gi: Você tem algum plano ou desejo para sua carreira profissional?
Mori:
Bom, meu sonho de infância era alcançar a marca de 10 mil inscritos. Não importava quando tempo demorasse, fiz uma promessa para mim mesmo que só ia parar de postar vídeos quando atingisse essa marca. Consegui isso em menos de dois meses. Isso me encantou muito, fiquei muito feliz em ver que tanta gente acompanhava minhas criações. Hoje, depois de 3 anos de muito trabalho, conto com 1.8 milhão de inscritos no meu canal do YouTube e tenho como plano aumentar esse número para 2 milhões até o final do ano. Também gostaria muito de explorar o lado mais artístico da minha carreira profissional, investindo mais na dança e canto, para projetos futuros.

Gi: Pra você, como é trabalhar com internet? Gosta de ser um digital influencer?
Mori: Eu amo trabalhar com a internet. Sou um consumidor muito assíduo das redes sociais. Acordo, mal percebo e já estou no telefone vendo os últimos vídeos que foram postados dos meus YouTubers favoritos! Gosto muito que esse trabalho gira em torno de uma comunidade de pessoas com interesses comuns, então é bastante interessante a troca de experiências e conversas.

Continua após a publicidade

Gi: Nós sabemos que trabalhar com internet é bem complicado e exige muita paciência para lidar com tudo. Como você lida com as críticas, haters e toda pressão?
Mori: Se eu dissesse que não ligo para nada que falam de mim por aí, estaria mentindo. Faço terapia com uma psicóloga toda semana, onde desabafo sobre meus problemas, não só dentro da internet, mas fora dela também. Isso é essencial para minha sanidade mental diante de tantos comentários feitos por pessoas que muitas vezes nem conheço.

View this post on Instagram

Crush: sei lá, gosto de natureza, grama, floresta, ar fresco, etc… 🍃🌿 eu:

A post shared by Matheus MoriMura Jordão (@morimura) on

Gi: Caso não trabalhasse com internet, tem ideia no que trabalharia?
Mori: Não faço a menor ideia. Sinto que nasci para fazer isso! (risos). No Ensino Médio, prestei Medicina e, por incrível que pareça, consegui passar. Cheguei a fazer a matrícula, mas pouco tempo depois cancelei porque queria seguir meu sonho de ser um criador de conteúdo na internet e não me arrependo nem um pouco disso.

Gi: Você teria alguma dica para quem quer seguir esse caminho de criador de conteúdo?
Mori: A maior dica que eu tenho é: nunca desista. Não existem caminhos fáceis ou atalhos. O segredo está no conteúdo e na consistência.

Muito fofo, né? O que acha de dar uma olhadinha no canal do Mori? Aproveita e já se inscreve para ajudar ele a bater os 2 milhões!

Beijinhos de luz,
@gih_facci

Continua após a publicidade

Publicidade