8 dicas para quem pensa em estudar nas férias

Em tempo de vestibular, não existe essa de ficar de férias. Oh wait... Não é bem assim!

Por Isabella Otto Atualizado em 17 ago 2016, 14h04 - Publicado em 22 jul 2014, 18h10

Enfim, férias. Essa constatação só seria melhor se você não tivesse que estudar para o ENEM, que acontece nos dias 8 e 9 de novembro, para os vestibulares… A gente sabe. Mas nada de desanimar por conta disso, ok? 

 

Continua após a publicidade

 

Continua após a publicidade

Muita gente acaba usando o período de férias escolares para tirar o atraso e estudar tudo o que não estudou durante o primeiro semestre do ano. Cartão vermelho! Nada de usar esse curto  período de tempo para virar noites em claro lendo livros, resolvendo exercícios e finalizando apostilas. O problema é que você também não pode deixar os estudos totalmente de lado, pois acaba perdendo o pique.

 

Continua após a publicidade

A preguiça domina mesmo, não tem jeito, mas separamos oito dicas para você fazer das férias e dos estudos um casal tão perfeito quanto a Shakira e o Piqué, a Emma Stone e o Andrew Garfield. Afinal, as férias não precisam deixar de ser férias só porque você vai precisar continuar estudando.

 

Continua após a publicidade

Dica #1: bolo mármore de diversão e estudo

Sabe aquela frase de mãe que diz assim: tem hora para estudar e hora para brincar? Ela cabe perfeitamente aqui. Divida os seu tempo para acabar não comprometendo um dos lados.

 

Continua após a publicidade

Dica #2: casquinha mista não rola!

Por outro lado, há pessoas que não conseguem achar o meio termo e preferem descansar totalmente nas férias. Se esse é o seu caso, aproveite para esvaziar totalmente a cabeça. Se for viajar, nada de levar as apostilas na mala. Na volta, você retorna com os estudos.

 

Continua após a publicidade

 

Continua após a publicidade

Dica #3: organize seu tempo

Estabeleça horários certos para pegar firme nos estudos e tente fixá-los no seu dia a dia. Por exemplo: estude pela manhã e fique livre à tarde. Ou vice-versa. O importante é perceber em qual momento seu rendimento é maior.

 

Continua após a publicidade

Dica #4: não acorde cedo para estudar

Jamais, nunca, sob hipótese alguma ative o despertador nas férias. A menos que você esteja fazendo um curso ou realmente precise acordar cedo. Caso contrário, priorize o sono. Nas férias, está liberado recuperar o ZzZzzZz perdido. 

 

Continua após a publicidade

 

Continua após a publicidade

Dica #5: leia livros divertidos

Aproveite esse período para ler aquele livro que você estava querendo, mas não tinha tempo por conta das leituras obrigatórias do colégio. Nem que, por exemplo, você continue lendo livros obrigatórios durante o dia e à noite, antes de dormir, leia algo mais light para relaxar.

 

Continua após a publicidade

Dica #6: foque nas matérias mais difíceis

Seu forte é exatas, humanas ou biológicas? Depois de identintificar as matérias que você manda melhor, é hora de priorizar aquelas que não são tão simples assim. Revise aquilo que já está na ponta da língua e aproveite para dedicar mais tempo nas matérias que você sente mais dificuldade.

 

Continua após a publicidade

 

Continua após a publicidade

Dica #7: veja (ou reveja) filmes 

No tempo livre, faça aquilo que mais gosta. Seja andar de skate, passear no shopping, ir ao cinema ou assistir a filminhos em casa mesmo. O importante é que essas horas livres sejam realmente divertidas!

 

Continua após a publicidade

Dica #8: pra fazer história!

Nessa época do ano, você acaba tendo mais tempo para fazer as coisas com calma e dedicar mais tempo em um trabalho específico. Que tal aproveitar para fazer aquela revisão de história? Você pode usar, por exemplo, papéis sulfites para montar uma linha do tempo com os acontecimentos mais marcantes, desde a época dos Maias, Incas e Atecas, até as principais guerras, revoluções e acontecimentos mais recentes da política.

 

Continua após a publicidade
Continua após a publicidade
Publicidade