5 momentos em que Emma Watson provou ser totalmente incrível

O 'parabéns' não é só pelo seu aniversário viu Emma?! É por todas as coisas lindas que você já fez, quer ter uma amizade sincera com a gente?

Por Malu Pinheiro Atualizado em 24 ago 2016, 14h17 - Publicado em 15 abr 2016, 16h40
Hoje, 15/04, Emma Watson completa 26 anos e é só dar uma busca básica aqui no nosso site para ver o quanto suas atitudes mostram a pessoa incrível que ela é. Para comemorar esse dia, separamos 5 notícias que nos fizeram lembrar o porque de amarmos tanto a Emma. Vamos rever? 
 
1. Falou sobre o sexismo na indústria do cinema de Hollywood
Em uma entrevista a um jornal britânico, Emma Watson usou fatos numéricos de experiência própria para explicar a desigualdade de representação de gênero na indústria cinematográfica de Hollywood. “Eu notei o sexismo em Hollywood quando parei para pensar que fui dirigida por 17 diretores do sexo masculino e apenas duas vezes por mulheres. E dos produtores com quem trabalhei, 13 foram do sexo masculino e apenas uma foi mulher”, disse Emma. 
 
2. Desabafou sobre a luta pelo feminismo 
Mas agora há uma vontade de dizer ‘legal, me chame de diva’, ‘me chame de feminazi’, ‘me chame de difícil’, me chame de ‘feminista do primeiro mundo’, me chame do que você quiser. Isso não vai me impedir de tentar fazer a coisa certa e garantir que a coisa certa aconteça. Porque isso não me afeta”, falou Emma Watson sobre as críticas que recebe desde que virou embaixadora da ONU Mulheres.
 
3. Vai dar aulas na Universidade de Oxford
A atriz foi nomeada professora visitante do Lady Margaret Hall, na Universidade de Oxford! Tá, mas o que isso quer dizer? Emma terá que frequentar a faculdade de vez em quando para compartilhar com outros estudantes seus pensamentos e conhecimentos, basicamente para enriquecer a vida cultural da galera.
 
4. Criou um clube do livro feminista (e virtual)
“Oi, time! Eu quero começar um clube do livro feminista, mas até agora eu só tenho um brainstormed“, escreveu a intérprete da Hermione Granger em seu perfil na rede social. A ideia inicial da Emma era criar um grupo chamado ou Feminist Book Club (“Clube do Livro Feminista”) ou Emma Watson Clube (“Clube da Emma Watson”). Entretanto, algumas sugestões de nomes foram chegando e a atriz acatou a ideia da Emily, uma fã que colaborou via Twitter. Eu decidi por Our Shared Shelf (‘Nossa Prateleira Compartilhada’). Eu absolutamente amei isso. Obrigada, obrigada”, agradeceu à fã.
 
5. Fez discurso emocionante na ONU por igualdade de gêneros

É claro que não podemos esquecer desse momento, né? “Você pode estar pensando, ‘Quem é essa garota de Harry Potter? O que ela está fazendo na ONU?’. E essa é uma boa pergunta. Eu venho me perguntando a mesma coisa. Tudo o que eu sei é que eu me preocupo com o problema e quero ajudar a melhorá-lo”, falou Emma. “E ter visto o que vi e poder ter essa chance fez eu me sentir responsável e querer falar algo. Edmund Burke diz que tudo o que as forças do mal precisam para triunfar é um bom homem e uma boa mulher que não façam nada. Em meu nervosismo para esse discurso, eu tive momentos de dúvida. Eu repetia a mim mesma, ‘Se não sou eu, quem será? Se não agora, quando?’. Se você tem dúvidas parecidas, quando a oportunidade aparecer, eu espero que essas palavras te ajudem, porque na realidade, se você não fizer nada, vai levar 75 ou até 100 anos para que as mulheres recebam o mesmo salário que um homem fazendo o mesmo trabalho. Depois de 2086, garotas na área rural da África terão a oportunidade de estudar o ensino fundamental.”
 
Emma, é por isso e por muuuuito mais que nós te amamos e te desejamos toda a felicidade do mundo. Comemora com a gente e vamos fazer essa dancinha juntas! <3 
 

E você? O que desejaria para a Emma no dia de hoje?

Publicidade