4 meninas contam por que decidiram parar de comer carne

Qual foi o motivo? Sua família aceitou bem? Você sente falta? Quatro vegetarianas toparam responder todas essas perguntas para a CAPRICHO!

Por Isabella Otto Atualizado em 17 ago 2016, 13h46 - Publicado em 8 Maio 2014, 14h00

A inspiração para esta matéria surgiu após recebermos muitas mensagens de garotas querendo saber mais sobre o vegetarianismo. Por isso, se você for uma delas ou estiver pensando em parar de comer carne, os depoimentos abaixo podem te ajudar. Depois conta pra gente o que achou lá nos comentários!

A minha decisão foi por um motivo espiritual. Conversei com um monge, no templo Hare Krishna que frequento, e ele me disse que a energia negativa do animal na hora da morte, causada por medo, dor ou raiva, acaba passando para a carne. E, no momento em que a comemos, ingerimos também toda essa carga ruim. Isso acaba nos deixando agressivos . Confesso que realmente me senti muito mais leve após virar vegetariana.

Melissa Breveglieri, 17 anos, da Galera CAPRICHO, vegetariana há 4 anos.

Nunca comi carne por prazer. Seja a bovina, a suína… Já faz uns cinco anos que não como qualquer tipo de carne. Não consigo nem sentir o cheiro de fígado de boi que já fico mal, por exemplo. Fui obrigada a comer carne durante toda a minha infância . A partir do momento em que pude decidir o melhor para mim, conversei com meus pais e expliquei a minha decisão.

Sabrina Alcure, 16 anos, vegetariana há 5 anos.

Quando era criança, meu pai trabalhava como açougueiro. Ou seja, cresci em um ambiente em que todos sabiam o que rolava nos bastidores. Por isso, já maneirava na carne. No auge dos meus 15 anos, rolou uma febre do vídeo A Carne é Fraca . Resolvi assistir e peguei um nojo extremo de frigoríficos. Nunca mais consegui comer carne! A parte mais complicada é que você precisa ficar de olho e fazer exame de sangue de 6 em 6 meses para ver se é preciso repor a proteína da carne que falta. Eu, por exemplo, tomo ômega 3, mas comer bastante legumes e grãos já ajuda bastante. Vegetarianismo é disciplina .

Jéssica N. Oliveira, 21 anos, vegetariana há 6 anos.

A parte mais difícil foi convencer minha mãe de que o vegetarianismo não iria interferir na minha saúde. Até hoje, confesso, ela tenta fazer minha cabeça, pois tem medo de que eu fiquei doente por falta de proteína. Ainda mais que parei de comer qualquer tipo de carne! Mas ela me ajuda a adaptar as refeições, para que eu continue comendo coisas saudáveis e substituindo a proteína da carne pela proteína de outros alimentos . Assim, não corro o risco de ficar com anemia. Strogonoff de queijo branco é uma das minhas receitas favoritas!

Sara Severiano, 18 anos, vegetariana há 6 anos.

Continua após a publicidade

Publicidade