“Minha amiga se acha gorda”

Por Da Redação Atualizado em 17 ago 2016, 09h28 - Publicado em 18 dez 2015, 16h44

Stock.XCHNG

A Daniele escreveu pra gente com a seguinte preocupação:

“Eu tenho uma amiga que se acha gorda. E, como eu mesma já fui diagnosticada ano passado com anorexia e depressão, fico preocupada. Não quero que ela perca a liberdade e sanidade dela para uma doença, como eu perdi. O que devo fazer?”

Dani, primeira coisa: que bom que a sua amiga tem você! S2

Para ajudar, você pode usar a sua experiência . Tenha uma longa conversa com ela e conte como se sentia quando estava doente. Fale da visão distorcida que tinha de si mesma e que, se ela quer emagrecer, não há nada de errado nisso, desde que seja feito de forma saudável. Também fale quando percebeu que você precisava de ajuda.

Se o medo de ela ficar anoréxica continuar, há mais algumas atitudes que você pode tomar:

Continua após a publicidade

1. Fique por perto. Chame a sua amiga para ir ao cinema, para estudar juntas, para tomar um sorvete. Assim você dá uma força e ainda, literalmente, vigia se ela está comendo muito pouco ou dá aquelas sumidas estranhas, típicas de quem quer vomitar.

2. Ajude-a a detectar o problema. Alguns sintomas são bem objetivos e pode fazer com que ela perceba que está entrando em zona de rico. Confira aqui os sintomas típicos da anorexia.

3. Se achar que não está ajudando muito, leve a sua amiga para conversar com o psicólogo que ajudou você ou a algum grupo de ajuda para quem tem transtornos alimentares. Hospitais e escolas podem indicar um que seja bacana

3. Nada resolveu? É hora de falar com os pais dela.

Dani, escreva contando pra gente se sua amiga melhorou e, sempre que precisar, só pedir ajuda.

Beijinhos!

Continua após a publicidade
Publicidade