Miley Cyrus: “Meu cabelo reflete minha sanidade, sexualidade e sobriedade”

A atriz relembrou o período em que deu vida à personagem Hannah Montana e como isso afetou sua relação com os fios

Por Izabel Gimenez Atualizado em 8 dez 2020, 09h28 - Publicado em 7 dez 2020, 13h24

Miley Cyrus é daquelas pessoas que não tem medo de ousar com novos estilos de cabelo. Já percebeu, né? A cantora contou durante uma entrevista à revista norte-americana Rolling Stone que percebeu como seu visual afeta a forma como ela é vista pelo público. A mídia gosta que meus fios ou minha aparência sejam o ponto de referência para minha sanidade”, explicou. 

Você provavelmente deve se lembrar da época de Hannah Montana, em que o look dela passava uma mensagem angelical e inocente, diferente do visual usado pela cantora hoje. Atualmente, ela aposta em um corte mullet com aparência punk. “É como se os fios loiros me deixassem sã, não tinha cara de quem iria usar drogas ou algo do tipo. Já meu cabelo pintado e meus pelos na axila, por exemplo, mostram algo completamente diferente”, afirmou.

Apesar de muitas pessoas criticarem Miley em sua fase mais ~rebelde~, ela garante que não estava bem no início da sua carreira, diferente de hoje em dia, em que consegue ser exatamente a pessoa que gostaria e está feliz. “Eu estava mais fora do meu caminho naquela época do que qualquer outro momento em que minha sanidade foi questionada”.

  • Inclusive, relembrando a série da Disney Channel, Miley conseguiu ~comprovar sua teoria~. “A premissa do programa era que, quando eu tinha meu cabelo normal e parecia comigo mesma, ninguém se importava comigo. E então, quando eu fico toda arrumada e coloco uma peruca, de repente, estou em uma turnê. Isso é muito para uma criança ”, apontou. “Meu cabelo é uma espécie de reflexo da minha sanidade, sexualidade e sobriedade”, completou.

    O seu cabelo também representa as diferentes fases da sua vida?

    Continua após a publicidade
    Publicidade