Alongamento de unhas: saiba tudo sobre o procedimento e seus cuidados

Fibra de vidro, acrílico ou gel? Existem contraindicações? Desvendamos essas e outras dúvidas!

Por Djenifer Dias Atualizado em 2 jun 2021, 13h46 - Publicado em 4 jun 2021, 10h01
Ao centro, modelo usa cropped azul de manga comprida. Ela está com uma das mãos na cintura, sorrindo. De um lado, a frase
Marisa/Divulgação

Quanto o assunto são unhas, nós amamos procurar tendências diferentes! Desde a francesinha colorida até as nail arts inspiradas em séries e filmes, é muito legal inovar e brincar com desenhos que agradam diversos estilos, né? Desta vez, a CAPRICHO conversou com uma especialista sobre o famoso alongamento de unhas, e descobrimos quais são as técnicas queridinhas da vez, os cuidados que precisamos ter após o procedimento e mais. Confira!

Quais são as técnicas de alongamento que mais populares no Brasil?

As técnicas mais conhecidas e mais utilizadas do momento são os alongamentos em fibra de vidro, acrygel, gel moldado e acrílico

Acrílico/Acrygel: As duas técnicas usam o monomer, um catalizador que deve ser usado com o pó acrílico, fazendo com que as unhas fiquem um pouco ásperas e, por isso, elas devem ser moldadas cuidadosamente nas unhas naturais. O alongamento de unha em acrílico é um método rápido que faz com que as unhas fiquem com um aspecto mais natural, sendo até capaz de reconstruir unhas quebradiças, roídas e danificadas.

Fibra de vidro: Aqui, as fibras são usadas como estrutura principal nos alongamentos e resulta em um acabamento mais delicado. Nessa técnica, usa-se uma cabine, aquele aparelho que serve para a secagem das unhas.

Gel moldado: Aplica-se um gel sob um molde,e a cabine também é usada para secar e acelerar o processo de cura do gel.

Polygel: É um produto que une a força do acrílico e a leveza do gel. Por conta da flexibilidade do material, é possível moldá-lo facilmente no comprimento desejado sem perder o aspecto natural das unhas.

Continua após a publicidade
Na imagem só conseguimos ver as mãos, de uma lado as mãos de uma profissional usando luva cor de rosa enquanto faz as unhas de uma outra pessoa que não conseguimos ver quem é.
Tudo sobre alongamento de unhas Pexels/Reprodução

Quais são os principais cuidados com o alongamento de unha?

É necessário se atentar ao tempo da manutenção para evitar a proliferação de fungos e bactérias entre o alongamento e a unha natural. Cada trabalho tem a sua vida útil com durabilidade entre 18 e 23 dias, dependendo do cuidado da cliente e da técnica utilizada. Isso muda de acordo com o crescimento da unha natural, que varia de organismo para organismo. O ideal é que as manutenções sejam feitas sempre em até 15 dias.

Fazer alongamento pode danificar a nossa unha?

O alongamento só será danoso caso o período de manutenção e o crescimento natural da unha não sejam respeitados. Fora isso, se a pessoa tentar tirar o alongamento com a boca ou lixar em casa com algum tipo de lixa imprópria, ela pode acabar provocando o descolamento da unha natural, rompimento ou infiltração, o que faria com que aparecessem fungos. Ou seja, não faça isso, ok?

  • O que não pode fazer quando se está com o alongamento?

    Digitar com a unha danifica a estrutura do material, podendo diminuir o tempo útil da técnica. Tente utilizar apenas os dedos para trabalhar com o computador. E, também, tome cuidado na hora de usar produtos químicos, porque, caso haja contato com a unha natural ou com o alongamento, a base pode ser danificada e, com isso, abrir fissuras que amoleçam o material. O ideal é usar luvas quando for entrar em contato com esses produtos para limpar alguma superfície. 

    Como funciona para fazer a remoção das unhas? Pode retirar em casa?

    Não é recomendável. O correto seria fazer a manutenção com a mesma profissional que realizou a técnica e, caso não queira mais o alongamento, solicitar a retirada com os produtos indicados para cada material. O produto que retira acrílico é diferente do da fibra, e esse cuidado é imprescindível para a saúde da unha natural. Não tente arrancar a unha, os cantos e a cutícula com os dentes. Evite levar a unha até a boca, pois você pode correr o risco de engolir uma parte do material.

    Unhas sendo exibidas em cima de um papel amarelo e outro rosa. As unhas são das cores: rosa, laranja e roxo.
    Tudo sobre alongamento de unhas Pexels/Reprodução

    Qualquer pessoa pode fazer alongamento? Quais são as contraindicações?

    As técnicas de alongamento podem ser feitas se as unhas estiverem saudáveis, sem “machucadinhos” nas extremidades. O procedimento é contraindicado para gestantes, diabéticos, menores de 16 anos, pacientes em tratamento contra o câncer e pessoas com micoses. Outra contraindicação é para pessoas com unhas frágeis e/ou indivíduos alérgicos aos produtos utilizados no alongamento.

    Dá para fazer alongamento nas unhas dos pés?

    É possível sim! Uma técnica que pode ser utilizada é a da fibra de vidro, afinal, ela tem uma durabilidade maior e, por isso, é a mais adequada devido ao impacto e movimentos dos pés.

    Quem deu as informações: Liara Godoi, nail designer formada na Turquesa Esmalteria de Porto Alegre, especialista da plataforma GetNinjas.

    Continua após a publicidade
    Publicidade