Um terço de todo alimento disponível para consumo humano é desperdiçado

Estudo realizado mostra ainda que esse desperdício afeta a economia e o meio ambiente.

Por Isabella Otto - Atualizado em 10 mar 2020, 17h00 - Publicado em 10 mar 2020, 14h00
perfume ch o boticario fragrancia capricho mood
CAPRICHO/Divulgação

De acordo com um estudo recente publicado pelo jornal PLOS One, um terço de toda comida disponível para consumo de seres humanos no Planeta Terra é desperdiçada.

Não exagerar nas refeições e colocar no prato somente aquilo que aguenta comer é uma maneira simples de evitar o desperdício diário. SammyVision/Getty Images

Como era de se esperar, as análises mostram que, quanto mais se tem, mais se desperdiça. A pesquisa, realizada por Monika van den Bos Verma, Linda de Vreede, Thom Achterbosch e Martine M. Rutten, prova que o desperdício de alimento não é um problema localizado nas camadas mais pobres da sociedade.

 

Foi descoberto ainda que as pessoas mais pobres tendem a desperdiçar mais comida conforme ganham mais dinheiro – o que deveria ser o contrário, se formos pensar que essas pessoas poderiam ter uma consciência maior já que já passaram algum tipo de necessidade.

Continua após a publicidade
Utilizar todo o alimento e fazer compostagem são outras práticas efetivas na luta contra o desperdício. svetikd/Getty Images

Além de reforçar problemas de desigualdade social, o desperdício alimentício estimula problemas econômicos e ambientais. Já sabe-se que ele é, por exemplo, um item no topo da lista de problemas sustentáveis, afetando diretamente o meio ambiente.

O intuito do estudo é mostrar o comportamento daqueles que mais desperdiçam e incentivar políticas e programas de conscientização. As Nações Unidas, até 2030, quer eliminar o desperdício de comida no mundo em sua totalidade, uma iniciativa bastante ambiciosa. Hoje, no mundo, cerca de um trilhão de tonelada de alimentos é desperdiçado. Na contramão, estima-se que 800 milhões de pessoas passem fome.

Publicidade