Quando é pra ser… Esse amor de Verão vai te fazer acreditar em destino!

Sabe aquela história de que cada coisa tem a sua hora? O destino realmente não desiste quando é para duas pessoas se encontrarem; e a história da V.F. é uma prova disso!

A amiga da V.F. tinha uma casa de praia no litoral norte de São Paulo e lá conheceu um menino, o G.V., que também tinha casa em um condomínio próximo. Em um Verão, ela chamou a V.F. para ir encontrar eles na praia, já com uma certa intenção de “apresentar” o boy para a amiga. Mas a mãe dela não deixou ela ir e, no fim das contas, o G.V. bateu a cabeça forte em um acidente e teve que voltar mais cedo para SP.

Como o G. estudava com várias amigas da V., eles já tinham ouvido falar muito um do outro, só que ainda não tinham se conhecido pessoalmente. Até uma festa junina, quando finalmente se viram! Mas foi no aniversário da amiga que tinham em comum que os dois realmente conversaram e se deram muito bem.

V.F. e G.V. começaram a ficar e, um mês depois, no Ano Novo, ela foi para a praia com a amiga e ele também estava lá. Eles tinham acabado de começar a se envolver, mas já estavam no maior love! “A gente passava o dia juntos, a gente fazia tanta coisa legal”, conta V.F.

E fizeram coisas legais MESMO! Tentaram fazer uma fogueira, organizaram uma festa, pularam na piscina de roupa e tudo em plena madrugada, fizeram trilha… A V. jura que foi um Verão incrível, digno de comédia romântica!

E esse foi um caso de amor de verão que realmente subiu a serra! Eles começaram a namorar e passaram todos os anos novos do namoro naquela mesma praia. “Era meio onde tudo começou. Bem destino mesmo, porque era para a gente ter ficado na praia um ano antes”.

Muito fofo, né? Se você sonha com um amor de verão como o dos filmes, calma que ele pode, sim, aparecer!

*As personagens desta matéria preferiram não ser identificados.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s