Instagram retira do ar vídeo sobre estupro de Neymar expondo intimidade

"Prefiro um crime de internet a um de estupro", defendeu-se pai de jogador. Técnico Tite também falou pela primeira vez sobre o caso

No último sábado, 1º, um boletim de ocorrência feito na última sexta-feira na 6ª DP de Santo Amaro ganhou os noticiários. Ele foi feito por uma brasileira que acusa Neymar Jr. de estupro. De acordo com a vítima, o jogador arcou com todos os custos da passagem e hospedagem dela em Paris, onde o crime teria acontecido. Ela afirma ainda que eles trocaram carícias consentidas de início, mas que depois Neymar se tornou violento e usou de força física para consumar o ato.

 (Reprodução/Reprodução)

Após a acusação, o atacante usou o Instagram para se defender. Em vídeo publicado no IGTV, ele diz que foi vítima de uma armadilha, que está sendo extorquido e que tem provas de que a relação sexual foi desejada por ambas as partes. Neymar decidiu então que seria uma boa ideia expor mensagens de WhatsApp trocadas com a vítima.

Por se tratar de uma investigação sigilosa, o Instagram retirou o vídeo do ar. As provas, tanto do réu quanto da vítima, já foram entregues para a polícia, como relata o UOL Esporte.

Na manhã desta segunda-feira, 3, Neymar pai concedeu mais uma entrevista à Band, em que se posicionou sobre o caso: “Não tínhamos escolha. Eu prefiro um crime de internet a um de estupro. Foi o Instagram que tirou do ar por saber que vai ter uma discussão em cima disso. Pelas regras do Instagram estava normal”. Além disso, ele falou que a mulher estava com o celular filmando tudo quando o filho chegou ao quarto de hotel. Mas ele também diz que Neymar tentou filmar a relação, mas não conseguiu, por estar alcoolizado. Suspeita-se, então, que a vítima tenha algum tipo de prova em vídeo contra o jogador.

Neymar Jr. segue concentrado na Granja Comary, no Rio de Janeiro, treinando para a Copa América. A Seleção Brasileira de Futebol estreia na competição no dia 14, contra a Bolívia. Em coletiva de imprensa realizada nesta manhã em Teresópolis, o técnico Tite se pronunciou sobre o assunto e garantiu que o camisa 10 atua no torneio. “Devido à importância do caso, a primeira coisa que fiz foi buscar uma assessoria jurídica. No sábado de manhã, recebemos um delegado, passamos informações(…) A ideia seria a assessoria estar aqui para resolver o caso o mais rápido possível, para que o atleta esteja com a cabeça tranquila para a Copa América”, disse.

Tite ainda afirmou que, em campo, Neymar é um jogador extraordinário e que não vai se permitir julgar ações pessoais dele, mas garantiu que o desempenho da equipe está acima de qualquer coisa: “Insubstituível ninguém é, em lugar nenhum, em nenhum posto.”

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s