Conversamos com a brasileira que venceu promoção do Little Mix!

A jovem de 15 anos quase não enviou o vídeo que foi repostado pelo grupo britânico nas redes sociais. Pisa menos, Isabella Agulhó!

“Quase não enviei o vídeo”, conta Isabella Agulhó, de 15 anos, vencedora da competição #VevoEuQueroLittleMix, uma parceria da plataforma de vídeos com o grupo britânico. A competidora tinha que escolher uma das quatro integrantes do Little Mix e fazer um vídeo mostrando como a escolhida a inspirava. Isa escolheu as quatro! “Optei por representar todas, pois cada uma tem a sua história e me inspira de um jeito“, afirma a adolescente, que até agora ainda não acredita que foi a grande vencedora.

 

A estudante conta que a parte mais complicada foi sentir-se confiante com o vídeo e postá-lo no Twitter. “Não estava segura, mas, graças a uma amiga, eu postei”, lembra Isa, que logo que descobriu sobre a promoção, teve a ideia de recriar o clipe de Power e já começou a escolher as roupas que usaria na produção caseira. Isa gravou tudo em uma tarde e editou na sequência. Ela não teve nenhuma emoção muito forte até publicar o resultado final no Twitter. “Meu vídeo não aparecia na tag que a Vevo tinha pedido para postar. Foi uma agonia! Outros mixers e eu enviamos vários tweets para a empresa dizendo que o meu vídeo e o de outras duas competidoras não estavam aparecendo. O problema logo foi resolvido!”, afirma. Fandom unido jamais será vencido, né?

Perguntamos para a Isa como é saber que as cantoras de uma de suas bandas favoritas agora sabem quem ela é, mesmo que tenham assistido ao vídeo apenas uma vez. A resposta, é claro, não poderia ser diferente: “Toda hora estou indo na página do Facebook do Little Mix e lendo aquele ‘pisa menos, eu te imploro’ que o grupo escreveu. É surreal! Me sinto como uma guerreira”.

 (Reprodução/Reprodução)

Nas redes sociais, a mixer recebeu muitos comentários positivos e empoderadores. Na escola, não foi diferente. Isabella conta que ganhou muitos elogios e abraços, e que nunca se sentiu tão amada. “Todas nós temos aquela fase em que não nos sentimentos bem. A minha começou em 2013 e durou até 2015. Eu não me sentia feliz com meu próprio corpo e algumas pessoas da minha escola me chamavam de apelidos que me machucavam, como elefante, gorda, bola e nojenta. Quando eu chegava em casa, colocava as musicas do Little Mix para tocar e sentia que a confiança que elas tinham chegava até mim”, lembra a adolescente, que é muito grata a cada uma das integrantes da girl band. “A Jesy sofreu muito na época do The X-Factor com os comentários a respeito de seu peso. Mas isso não a parou. Ela foi forte! A Perrie sempre confiou na sua verdade e nunca mudou pelos outros. A Jade e a Leigh-Anne estão cada dia mais maduras e, apesar de já terem recebido comentários racistas, nunca abaixaram a cabeça. Elas são elas e isso é algo que a indústria da música precisa“, garante a fã.

Isa ficou orgulho do seu trabalho, mas também adorou ver todo o fandom brasileiro ajudando quando ela se desesperou no Twitter ao ver que seu vídeo estava dando erro. “Salute” e “Glory Days” são os álbuns favoritos da jovem, que também é fã de Fifth Harmony. “Você pode amar os dois grupos”, diz a sua bio na rede social. Aliás, o user @stereokiwi é a junção de uma música do Little Mix e outra do Harry Styles). “Tenho certeza de que se não fosse pelo Little Mix, eu não seria tão confiante quanto sou hoje“, emociona-se Isabella, que, definitivamente, pode dizer que se inspira no quarteto também para cantar e dançar.

Todas nós precisamos de alguém para nos inspirar, e quando esse alguém canta sobre empoderamento feminino, confiança e autoestima, as canções acabam refletindo no nosso dia a dia e em quem somos. E esse “alguém”, na verdade, são cinco meninas com nome e sobrenome: Perrie Edwards, Jade Thirlwall, Leigh-Anne Pinnock, Jesy Nelson e Isabella Agulhó, é claro. Parabéns, Isa!

 

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s