A Superlua Azul de Sangue afetou o seu signo. Mas você sabe como?

Fenômeno raro só ocorre novamente em 2037. Destinos podem ter sido definidos por ele.

 (Divulgação/CAPRICHO)

Na noite da última quarta-feira, 31, aconteceu a Superlua Azul de Sangue, um fenômeno raro que não acontecia há 150 anos. O nome pode assustar um pouquinho, mas é apenas a junção de Superlua, Lua Azul e Lua de Sangue. Apesar de os astrônomos não acreditarem que a Lua pode afetar as pessoas como afeta as marés, por exemplo, os astrólogos garantem que o poder lunar é muito forte. E o fenômeno que aconteceu na última quarta, por ter sido tripo, foi ainda mais poderoso!

 (Reprodução/Reprodução)

Antes de tudo, é preciso entender o que é cada um desses três fenômenos naturais. A Superlua ocorre quando a Lua está o mais perto possível da Terra e a deixa com aquela aparência beeem grandona no céu. Essa foi a segunda do ano, sendo que a primeira aconteceu no dia 1º de janeiro. A Lua Azul ocorre quando uma segunda Lua Cheia surge durante o mesmo mês. Rola a cada três anos e a que aconteceu na noite de 31 foi a segunda de janeiro. E, finalmente, a Lua de Sangue só ocorre durante o eclipse total da Superlua, quando Sol, Terra e Superlua estão alinhados. Agora, sim, vamos às questões astrológicas.

Especialistas do Astrocentro, a maior comunidade esotérica do país, garantem que a Lua afeta, sim, o dia a dia dos signos, inclusive em questões relacionados ao destino de cada um. Quando um fenômeno tão raro como esse acontece, o poder da Lua se torna ainda mais perceptível.

Os signos do zodíaco mais afetados pela Superlua Azul de Sangue foram Touro, Escorpião e Aquário. Pessoas regidas por esses signos vão sentir uma maior necessidade de expressar suas ideias e lutar por justiça, seja no bairro, no trabalho ou na internet, fazendo textão. O período, que dura pelos próximos seis meses, no mínimo, é ideal para que essas pessoas transformem suas vidas se estiverem sentido a necessidade disso. O momento é de mudança. Não dá para ficar parado e esperar que os outros tomem iniciativa.

Todos esses conselhos valem também para os outros signos, que sentem as mudanças, mas não tão intensamente. Leoninas também poder se beneficiar pelo raro eclipse no decorrer dos meses. Pessoas regidas por Leão não se sentem muito confortáveis perante a grandes transformações – mesmo que estejam precisando. Elas sentem medo, preferem continuar com o certo do que tentar a sorte com o duvido. As transformações causadas pela Superlua Azul de Sangue podem assustar de início, mas prometem ser recompensadoras.

 (Reprodução/Reprodução)

A astróloga Susan Miller ainda esclarece que um eclipse pode trazer novidades bastante específicas: “o nascimento de um bebê, um noivado, um casamento, uma promoção ou um término na carreira e/ou uma viagem importante”. A Superlua Azul de Sangue, que aconteceu na última quarta, 31, também pode ter deixado algumas pessoas confusas e despertado nelas questionamentos e inseguranças. É isso o que um eclipse faz: ele traz à tona transformações e a possibilidade de mudanças que tínhamos enterrado por puro medo. É quase como se o universo estivesse te mandando um recado: “ei, do jeito que está, não dá mais. É hora de recomeçar“.

“Eclipses podem trazer eventos aleatórios que nem sempre são esperados(…) Algo que foge totalmente do controle(…) Mudanças devem bater à porta”, garante Susan Miller. Vera Facciollo, presidente da Associação Brasileira de Astrologia, concorda: “todos os planetas têm alguma influência sobre a Terra e sobre os demais planetas. Há uma inter-relação entre todos os planetas entre si. Então, o fato de termos uma Lua cheia, crescente ou minguante, influencia não só no nosso humor, na nossa estabilidade emocional, mas também nos acontecimentos do mundo”, revelou em entrevista ao Sputnik.

Vale lembrar também que qualquer Lua Cheia deixa as emoções mais à flor da pele: “por isso, é preciso prestar muita atenção antes de tomar qualquer decisão durante esse período. Pense muito bem antes de ter qualquer atitude, para evitar arrependimentos posteriores. A notícia boa é que, nessa fase, o romance sempre está em alta. Amores intensos e calorosos podem acontecer“, afirma especialistas do Astrocentro.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s