9 TOCs que causam com a vida de qualquer pessoa

Pode ser que você tenha algum deles e nem saiba!

Você já teve pensamentos meio malucos e obsessivos dizendo que se você não agir de determinada maneira, algo muito ruim pode acontecer? Fique tranquila, você não está sozinha. Tem gente que acha que é mania ou loucura, mas podem ser manifestações involuntárias e atormentadoras conhecidas como TOC (Transtorno Obsessivo Compulsivo).

Geralmente, acontece quando um pensamento intrusivo e insistente leva a pessoa a fazer coisas que geram um alívio muito grande. Quem tem esse tipo de transtorno costuma até perceber, mas não consegue evitá-lo.

1. Verificar tudo: se trancou a porta, se fechou a torneira, se o celular está na bolsa, se realmente entendeu o que está lendo.

Mesmo que tenha certeza de que está tudo certo, prefere voltar e checar. Várias vezes, aliás.

2. Medo de se contaminar: lavar as mãos várias vezes ao dia, tomar banhos longos, higienizar objetos antes de encostar, evitar contato com pessoas.

?Vai que pego alguma doença?!?

3. Organizar: os lápis no estojo têm que estar para o mesmo lado, os livros alinhados e retinhos, a borda de algum objeto alinhada à borda da mesa.

Porque qualquer coisinha fora do lugar, por mais irrelevante que possa parecer, te deixa muito perturbada. Você vai arrumar mesmo que leve muito tempo.

4. Necessitar de simetria: se encostar na parede com a mão direita, também tem que encostar com a esquerda; se girar para o lado esquerdo, tem que girar para o lado direito.

Se você não fizer a mesma coisa com os dois lados do corpo, dá uma sensação de desequilíbrio.

5. Acumular: não conseguir jogar nada fora, ficar guardando coisas inúteis e desgastadas.

Você até sabe que não vai usar, mas sente necessidade de guardar aquilo porque ?vai que…?.

6. Fazer contas: ao ver números em algum lugar e, instintivamente, começar a fazer várias operações matemáticas com eles. E ficar contando quaisquer objetos ou risquinhos possíveis de serem contados.

Não dá para entender. Você pode até odiar matemática, mas a necessidade de brincar com os números e contar as coisas te persegue.

7. Preferir par ou ímpar: o volume do rádio tem que estar no par, o canal da TV tem que ser par, a poltrona do cinema tem que ser par, o número de itens de uma lista tem que ser par.

Ou ímpar, depende da preferência. E se não estiver, parece que está ruim e esquisito.

8. Prestar atenção às linhas: algumas pessoas só querem andar sobre as linhas, outras, tentam escapar de pisar nelas.

É como se a linha no chão representasse uma corda bamba ou um abismo.

9. Estipular desafios: do nada, pensar em um desafio e ter que cumprir. Como chegar ao outro lado da rua antes do farol fechar.

E se não conseguir, já era. É como se a vida de alguém realmente dependesse daquilo.

Que loucura! Que aflição! Quem não tem um TOC ou outro, né? Mas por mais engraçado que pareça, é importante saber que o TOC é considerado doença quando as manias passam a atrapalhar o dia a dia da pessoa. Portanto, esconder os sintomas por vergonha pode ser perigoso, principalmente se chegou ao ponto de causar sofrimento. Existem tratamentos para melhorar a qualidade de vida e reduzir os sintomas.

Se identificou com algum? Quais outros tipos de TOC você conhece?

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s