7 dicas para navegar com segurança

As possibilidades da internet são infinitas. Isso tem um lado incrível, mas também tem um lado bem perigoso: gente que você não conhece pode estar te seguindo, te curtindo, te vigiando sem que você se dê conta. Para continuar só com o lado bom dessa história, siga os passos abaixo:  

1. Só adicione gente conhecida

Adicionar amigos de amigos, ou gente que diz que te conhece mas que você não se lembra bem quem é pode ser furada. Pessoas mal intencionadas podem fazer mal uso das suas informações pessoais. Antes de adicionar um amigo, cheque laços em comum ou alguma prova concreta de que você realmente conhece a pessoa.

2. Proteja seus álbuns de fotos

Na hora de divulgar as fotos daquela balada incrível a gente não pensa, mas o fato é que álbuns de fotos podem revelar muito de seus hábitos, seus amigos e os lugares que você frequenta. Solução: só permita que seus amigos vejam seus álbuns e, mesmo assim, evite postar fotos sensuais ou em alta resolução – elas podem ser utilizadas em montagens maliciosas.

3.  Seja discreta

Compartilhar ideias e links é legal, mas ninguém precisa saber em que shopping você está passeando com as suas amigas, certo? Prefira escrever mensagens genéricas, que muito específica e faça tuites enigmáticos em vez de dar pistas muito pessoais. 

4. Não divida a sua senha com ninguém

Senhas são uma forma segura de proteger as informações que você decidiu não compartilhar. Além disso, ela garante que só você publica nas suas redes. Quem parece irmão hoje, pode brigar com você amanhã e se aproveitar de tanta confiança. Guarde a sua a sete chaves e lembre-se de trocá-la com frequência.

5. Não dê detalhes no seu perfil

Na hora de preencher um perfil nunca forneça o endereço da sua casa, seu email pessoal ou qualquer número de telefone. Esse tipo de informação facilita que você vire alvo de spans e criminosos. De convencer que te conhece a simular sequestros relâmpagos, com muitas informações em mãos, tudo fica mais fácil.

6. Use a webcam com moderação

Regra básica: só coloque a cam no seu rosto se a outra pessoa também fizer o mesmo. Regra mais básica ainda: nunca, jamais, exponha o seu corpo ou faça qualquer coisa muito íntima via webcam. Tudo pode estar sendo registrado e pode, sim, ser usado contra você (isso acontece até com casal de namorados!).

7. Fique atenta aos fakes

Se você não conhece bem quem está do outro lado, desconfie. Pergunte detalhes da vida dele, observe suas reações, peça para vê-lo na webcam ou para conversar por áudio, tente perceber se ele não cai em contradições nas conversas. E caia fora no primeiro sinal de incoerência.

Agora faça o checklist. A quantos passos você está de ficar segura?

 

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s