13 coisas que só acontecem com quem tem nome diferente

"Você pode soletrar, por favor?"

Ter um nome incomum é bem legal: todo mundo acha diferente e você se sente exclusiva! Mas é inevitável passar por algumas situações que te fazem questionar – e muito – o que seus pais tinham na cabeça na hora em que escolheram como te chamar. Afinal, agora…
 
1. Você sempre tem que repetir e soletrar seu nome para os outros
“Não, não! É com ch e dois ns”.
 
2. As pessoas vivem te perguntando de onde vem o seu nome
“É um nome grego. Parte da minha família é de lá”. Nesse momento você considera, por um instante, se mudar para a Grécia só para não ter que ficar explicando seu nome para ninguém.
 
3. Você já até releva se falam seu nome errado
Quer dizer, você corrige, mas desistiu de ficar brava com isso. Não tem jeito mesmo.
 
4. Os professores sempre parecem em dúvida na hora de falar seu nome na chamada
Aí ele começa arriscando a primeira sílaba e você termina antes que ele acabe falando tudo errado e fazendo os colegas de sala caírem na risada.
 
5. Te perguntam se esse é mesmo o seu nome
É. Isso mesmo, ué.
 
6. Você tenta pensar em apelidos mais comuns e fáceis para te chamarem
“Mas é Mari de Marina ou Mariana?” “Ahm… de Marinfância!”
 
7. O corretor automático acha toda hora que seu nome está errado
“Você quis dizer Chamas?” “NÃO, CORRETOR! É CHAMES MESMO”.
 
8. Você aguenta várias brincadeirinhas com o seu nome
Trocadilhos, comparação com outras palavras… a criatividade dos outros não tem limites! “Kérera?! Que fera! Não? Tá. Ok. Desculpa”.
 
9. Quando você encontra alguém com o mesmo nome, quase nem acredita
Como se vocês fossem gêmeos. É muita emoção, de verdade.
 
10. Pedir bebida na Starbucks é complicado
“Ethe… Maria! Coloca Maria mesmo”.
 
11. Você nem procura colares, chaveiros e copos com seu nome porque sabe que não vai ter
É esquecer qualquer coisa personalizada! 
 
12. Quando você está em uma festa e tem muito barulho, é preferível mentir seu nome
Porque pensa na preguiça de ficar gritando seu nome complicado até a pessoa entender.
 
13. Sempre que você precisa fazer alguma reserva ou pedido por telefone, dá o nome de outra pessoa
“Certo. Faço a reserva em nome de quem?” “Miga, vou passar o seu, tá?”
 
Aliás, você sabia que o IBGE tem uma ferramenta que te mostra quantas pessoas no Brasil têm o nome igual ao seu? 
Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s