Os melhores momentos da estreia do novo programa de Marcelo Adnet na Globo

Tá no Ar: A TV na TV lembra muito o Comédia MTV, usando esquetes rápidas

Estreou na noite de quinta-feira (10), na Globo, o novo programa de Marcelo Adnet, o Tá no Ar: A TV na TV .

Quem estava com saudade das piadas e esquetes rápidas feitos no Comédia MTV vai se identificar com Tá no Ar: A TV na TV, que é uma criação de Adnet ao lado de Marcius Melhem .

Sátiras de programas de emissoras concorrentes e até de séries de TV norte-americana foram feitas na estreia, algo inédito no tipo de humor feito pela Globo nos últimos anos.

Além de assinarem a produção, Adnet e Melhem também fazem parte do elenco composto por Danton Mello, Luana Martau, Carol Portes, Georgiana Goes, Marcio Vito, Maurício Rizzo, Renata Gaspar, Veronica Debom e Welder Rodrigues . Separamos os melhores momentos:

Imitação do Silvio Santos

Em uma das “zapeadas” pelos canais fictícios de TV, que aparecem em quase todos os esquetes, Marcelo Adnet aparece imitando Silvio Santos que estranha sua presença na Globo.

Citação a outros canais

E o SBT não aparece apenas nesse esquete, quando o crítico a tudo que é feito pela Globo aparece, também interpretado por Adnet, a emissora de Silvio Santos é citada, assim como a RedeTV.

Sátira do Brasil Urgente

Intitulado Jardim Urgente, o Tá no Ar: A TV na TV brinca com o programa Brasil Urgente, da Band, mas mostrando apenas notícias envolvendo crianças.

Dr. SUS

Para criticar o SUS (Sistema Único de Saúde), Marcius Melhem virou o Dr. SUS, uma espécie de Dr. House que só faz o diagnóstico de virose nos pacientes.

Dilma não escapou

O pronunciamento da presidenta Dilma também virou alvo do programa, mostrando as novas medidas dela: “102 de busto, 97 de cintura e 115 de quadril”. Ahahaha

Pesca fatal

Essa esquete aparece em quase todos os blocos, mostrando uma abertura toda cheia de ação, mas quando o “programa” começa, é apenas um barquinho numa lagoa.

Rap de JC de Nazaré

Assim como fazia no Comédia MTV, Marcelo Adnet retomou suas músicas e a primeira delas foi o rap Muito Boa Nova , de JC de Nazaré.

Fiança Esperança

E Dilma não foi a única política criticada no Tá no Ar: A TV na TV, as campanhas dos políticos condenados no caso do mensalão, para arrecadar dinheiro para suas penas, também viraram piada no Fiança Esperança .

Freebofe

O deputado Marco Feliciano (PSC-SP), conhecido por criticar os homosexuais, foi zoado na sátira da propaganda de Roberto Carlos para a Friboi, que virou “Freebofe”, em que ele fala que o cara gato ao lado dele não é “apenas um amigo”.

Sexy Indecisa

Outra série que ganhou uma sátira foi Sex and the City , que virou Sexy Indecisa, uma mulher bem louca que muda de opinião em poucos minutos.

Galinha Pintadinha

Nem a Galinha Pintadinha escapou das brincadeiras e virou a Galinha Preta Pintadinha, fazendo referência a religiões como o candomblé. Aqui, aquele crítico chato retorna, acusando a Globo de fazer piada com as religiões afro-brasileiras. Antecipando críticas que com certeza iriam surgir após a exibição do quadro.

E aí, assistiram ao Tá no Ar: A TV na TV ? Gostaram do novo programa do Adnet na Globo?

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s