Miley Cyrus é processada por suposto plágio em We Can’t Stop

Segundo a Reuters, o compositor Michael May estaria pedindo indenização de US$ 300 milhões

miley-cyrus-processo-plagio-we-cant-stop We Can’t Stop foi o primeiro single tirado do álbum Bangerz, de 2013

We Can’t Stop foi o primeiro single tirado do álbum Bangerz, de 2013 (YouTube/Reprodução)

O compositor jamaicano Michael May está processando Miley Cyrus por supostamente ter plagiado uma de suas músicas em We Can’t Stop, um dos principais singles do álbum Bangerz, lançado pela cantora em 2013. De acordo com a Reuters, o compositor jamaicano estaria pedindo indenização de US$ 300 milhões.

A música em questão é We Run Things, lançada por ele em 1988 sob o nome de Flourgon. Ela chegou a ficar no topo das paradas da Jamaica e, segundo Michael May, We Can’t Stop teria 50% de sua estrutura vinda de We Run Things.

Ainda segundo a Reuters, além de partes da melodia, a letra da canção de Miley também teria um trecho da composição de Michael May que diz “We run things. Things don’t run we”, na original de 1988 a frase aparece como “We run things. Things no run we”.

Compare as duas músicas:

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s