Ludmilla rebate polêmicas com produtor e vizinha

A cantora foi acusada de arrogante pelo produtor de um de seus shows e teve problemas com uma vizinha, que reclamou do som alto na casa dela

Após se envolver em uma polêmica com o produtor de um de seus shows e de ser acusada de ficar com o som alto em casa por uma vizinha, Ludmilla decidiu dar sua versão dos acontecimentos. Nesta quinta-feira (16), a funkeira postou uma resposta para as duas acusações em sua conta do Instagram. “Galera, resolvi passar por aqui a minha versão dos fatos. Acho que é necessário e justo ouvirem os dois lados da história”, escreveu.
 
 
Tudo começou no último sábado (11), quando Ludmilla se apresentou na cidade de Ribeirão Preto, interior de São Paulo, e o produtor, Paulo Domingos Junior, fez várias reclamações sobre o comportamento da cantora e sua equipe. “No show de Ribeirão eu estava voltando de Rio Claro, local do meu primeiro show, queimando de febre, muito doente e não entrei no camarim, porque estava muito frio, no termômetro estava 4 graus, eu poderia piorar e comprometer o show”, explicou.
 
“O meu produtor achou melhor eu aguardar na van por esse motivo. Tomei 2 comprimidos de analgésicos para tentar melhorar e fiquei sonolenta, resolvi descansar na van até o horário do show para ter condições de cantar. Fiz o possível para não cancelar o show e evitar transtornos de cancelamento e também para não chatear meus fãs e as pessoas que foram conhecer meu trabalho. […] Nunca seria arrogante ao ponto de destratar ou não cumprir um compromisso por capricho. É o meu ganha pão, mas nem todos os dias estamos 100%, estava mal. Essa é a profissão que eu escolhi e amo o que eu faço, não estou reclamando”, continuou ela.
 
 
Sobre a notícia de que havia se mudado da casa da mãe, na Ilha do Governador, no Rio de Janeiro, por causa de problemas com uma vizinha, Ludmilla esclareceu que já não mora com a família há um mês. “Eu não moro mais na casa da minha mãe há quase um mês, não me mudei por causa do vídeo!!! Não organizei nenhuma festa, não desrespeitei ninguém, a festa era da minha irmã. Cheguei de manhã em casa, meu último show foi às 6h da manhã, estava exausta e doente, dormi o dia todo e apenas passei no aniversário, pois tinha outro compromisso à noite”, disse. 
 
Ela comentou ainda que em nenhum momento receberam uma ligação ou reclamação da vizinha pedindo para que diminuíssem o som. “Se ela tivesse ligado ou ido até a residência, seria muito bem tratada e seu pedido atendido. Não estou dizendo que sou perfeita, mas não julguem sem saber. Todo mundo se acha no direito de julgar, só por que sou uma pessoa pública, se fosse um desconhecido ninguém estaria nem aí. Quero apenas fazer meu trabalho, fazer o que eu amo, que é cantar”, completou.
 
O que você achou das respostas da Lud?
Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s