K.J. Apa de Riverdale: “Atuar não era algo que eu queria fazer”

Ator interpreta Archie na série da CW que é exibida no Brasil pelo Warner Channel

Fotos: Divulgação/ Warner Channel Fotos: Divulgação/ Warner Channel

Fotos: Divulgação/ Warner Channel (/)

Quem vê K.J. Apa no papel de Archie, em Riverdale, mal sabe que atuar foi algo que aconteceu quase que por acaso na vida dele. Jogador de Rugby no colégio, Apa sonhava mesmo em ser músico, até chegou a ganhar uma bolsa para estudar violão na Universidade, mas o destino acabou levando ele para as artes dramáticas.

“Quando eu estava no ensino médio, era mais interessado por esportes. Jogava Rugby, mas tive que parar quando começou a ficar muito pesado. Mas eu sinto muita falta de jogar Rugby, eu realmente amava”, contou K.J. Apa à CAPRICHO, durante entrevista para jornalistas da América do Sul no set de filmagem de Riverdale em Vancouver, no Canadá. “É engraçado, porque a história do Archie, no começo, o pai quer que ele jogue futebol e ele só quer saber de música. Foi muito parecido comigo, no meu último ano no colégio já queria atuar. Meu pai queria que eu jogasse Rugby.”

6

 (/)

Natural da Nova Zelândia, Apa foi parar na carreira de ator por infuência da mãe, que o colocou em uma agência de modelos. Quando tinha 14 anos, começou a atuar. “Um dia me chamaram para o teste de uma novela chamada Shortland Street, acabei sendo chamado e fiquei por lá por dois anos”, revelou. “Foi assim que tudo começou. Aprendi praticamente tudo fazendo a novela.”

Aliás, quem assiste Riverdale mal sabe que K.J. Apa precisa fazer sotaque de americano em sua atuação. Quem conversa com o ator consegue notar que ele faz muito bem isso em cena, já que seu sotaque neozelandês é bastante carregado. “Archie é um rapaz estadunidense clássico, é o mesmo personagem dos quadrinhos. Todos os personagens são os mesmos dos quadrinhos só que um pouco mais desenvolvidos. Riverdale, nos quadrinhos, é o mundo perfeito, tudo é feliz e bonito”, explicou o ator, que não acha difícil mudar a forma como fala em cena. “E nem estou sendo metido falando isso, por alguma razão não é difícil. Apenas faço o sotaque. Até eu acho estranho quando o faço no set.”

Amor pela música

Ao ser questionado sobre o que faria caso não estivesse atuando, K.J. Apa não precisou pensar muito na resposta: música. “Eu consegui uma bolsa na Universidade para estudar violão. Poder tocar na série tem sido incrível para mim”, disse. “No momento, estou totalmente dedicado a minha carreira de ator, mas a música ocupa um lugar enorme em minha vida.”

5

 (/)

Morando em Los Angeles desde 2015, Apa contou que nem sabe direito onde mora, no melhor esquema “deixa a vida me levar”. “Nem sei direito onde moro, pra ser honesto. Moro onde estou trabalhando. (risos) Não tenho voltado tanto pra casa [Nova Zelândia] quando gostaria”, afirmou o ator, que ainda está assimilando todas as mudanças em sua vida. “Apenas sai de casa para vir aos Estados Unidos atuar. Tudo aconteceu muito rápido, foi uma decisão espontânea. Nem sei de onde veio, apenas sai de casa para atuar.”

* A CAPRICHO viajou a Vancouver, no Canadá, a convite da Warner Channel. 

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s