5 coisas que você pode esperar da turnê Meu Canto, da Sandy

Com 26 anos de carreira, a cantora continua emocionando ~muito~ o público

Ontem (5/5) a Sandy deu início à sua nova turnê, Meu Canto, em São Paulo. Os shows serão iguais ao do DVD gravado em Niterói em novembro do ano passado – mas sem a participação de Tiago Iorc e Gilberto Gil. Em entrevista, a cantora explicou o duplo sentido do nome: “é o ‘meu canto’ de cantar e o ‘meu canto’ de ser o meu mundo”. A CAPRICHO conferiu o primeiro show da turnê e conta aqui algumas coisas que você pode esperar:
 
1. Um palco lindo
A decoração está delicada e cheia de detalhes simbólicos! Têm engrenagens, uma porta, uma fechadura e uma chave. Quando ela canta Me Espera, também descem algumas janelas que ficam suspensas no palco. Sem falar no jogo de luz, que varia com as músicas. A Sandy explica que tudo foi pensado para combinar com seu estilo e que ela acompanhou o processo de perto. “Tem a porta como se eu estivesse abrindo o meu coração mesmo, a minha casa, abrindo a minha vida para o público”, contou. Fofa ❤
 
 
2. Músicas de Sandy & Junior
Para matar aquela saudade, ela incluiu na setlist algumas músicas da época em que cantava com seu irmão! No show de ontem, ela presenteou os fãs com Nada É Por Acaso e Desperdiçou e, claro, todo mundo ficou em pé e cantou com toda a energia possível. Tinha até gente chorando ~inclusive eu~. Depois desse momento, ela ainda soltou um “Viva Sandy & Junior”! Ah, importante dizer que a cantora não descartou 100% a possibilidade de fazer algum trabalho com o Junior no futuro. A esperança é a última que morre, né gente?!
 
3. Um público muito caloroso
Os shows da Sandy costumam ser mais intimistas, em lugares fechados e bem menores do que na época em que ela cantava com o irmão. Mas uma coisa não mudou: o amor dos fãs. Todos cantaram o tempo inteiro e aproveitaram as pausas entre as músicas para gritar “Sandy, eu te amo”. A parte mais emocionante foi quando ela saiu do palco, depois de cantar Desperdiçou, e a plateia inteira, em pé, começou a cantar muito forte Quando Você Passa (Turu Turu). Claro que ela voltou e terminou de cantar a música junto. A energia era muito boa!
 
 
4. Covers fofos
A Sandy cantou All Star, do Nando Reis – música que ela gosta muito e já costumava incluir em shows. Outro cover lindo foi o de Cantiga Por Luciana, que ela dedicou ao avô. A cantora contou que ele costumava dizer que adoraria ouvir essa música na voz dela. Anos depois, ela resolveu tentar e o resultado realmente ficou um amor.
 
5. Novidades
Além de músicas dos CDs Manuscrito e Sim, ela cantou algumas novas. Dentre elas, Respirar, que foi composta com o vocalista da banda Reverse – e que boa parte do público já conhecia e cantou junto. Outra muito fofa foi a que ela compôs com o marido, Lucas Lima, e chama Colidiu. A mais surpreendente, no entanto, foi uma que ainda não se sabe o nome, mas que ela cantou com todo o coração e disse que é o tipo de música que arrancou de dentro de si. Só vamos contar um trechinho, hein: “Na minha sombra você vê a luz. Você sabe, por mim tudo bem porque eu sou de verdade”. 
 
Hoje à noite a Sandy fará o segundo show na capital paulista. No dia 20 deste mês, ela chega com a turnê ao Rio de Janeiro. Quem vai?! 
 
Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s