Louca Por Séries: 9 melhores revivals e reboots de TV

Confira as melhores e mais atuais, além de alguns outros que simplesmente não deveriam ter acontecido

Por Priscila Harumi - 17 dez 2017, 11h37

Estamos na era de ouro da TV, com tantos canais e serviços de streaming produzindo séries originais, quem tem o melhor conteúdo é rei. Tanto que não é à toa que a Disney comprou a FOX por US$ 52 bi nessa última semana, para conseguir ter um conteúdo ainda mais bombástico e entrar na briga dos serviços de streaming com a Netflix.

Os Simpsons acertaram essa previsão novamente! FOX/Divulgação

Ao mesmo tempo, é muito difícil investir em uma nova série e ela não dar certo. Em média, uma comédia de 30 minutos custa US$ 2 milhões e um drama gira em torno de US$ 5 milhões, dinheiro que os estúdios nunca mais recuperam se a série não agradar ao público. Por isso, apostar em revival e reboots é uma estratégia menos arriscada para construir a grade de programação das emissoras. Até porque eles já possuem os direitos para produzir essas histórias e existem mais informação sobre a base de fãs que foi construída no passado.

Tempo é dinheiro, dinheiro é poder, poder é pizza e pizza é conhecimento. NBC/Divulgação

Vamos aos significados dessas duas palavras: Revival é um termo usado para a TV (enquanto remake é para o cinema). É quando o elenco original volta para uma nova história inédita em uma continuação depois de um intervalo de tempo. Ou seja, é uma renovação, um renascimento da série que já existiu no passado, como Gilmore girls ou Will & Grace.

Reboot é diferente de revival. É quando uma historia ganha um novo elenco e uma releitura do passado, recontando a história que já existiu, tipo Máquina Mortífera, a série que está passando na Globo. É um reiniciar, um novo começo. Ah, não é para confundir com spin-off, que é uma derivação de uma série que já existe, com um ou mais personagens, tipo o que é The Originals para The Vampire Diaries.

Sheldon e Amy em The Big Bang Theory. CBS/Divulgação

Eu confesso que fico sempre bem apreensiva para os dois formatos, mas tenho me surpreendido positivamente nos últimos tempos. Vamos ser sinceras, se não fosse essa onda de revivals e reboots, eu jamais teria tido a chance de ouvir as quatro palavras finais que Amy Sherman Palladino criou para o fim de Gilmore girls.

Então, chega de aula e vamos para os melhores revivals e reboots que aconteceram nesses últimos tempos:

Continua após a publicidade

1) Gilmore girls (revival)

Senti saudades, kid. Netflix/Divulgação

O melhor revival dos últimos tempos? Ok. Eu estou falando com o meu coração e não com a razão. Sei que muitos fãs esperavam algo diferente, mas não dá para agradar a todos. Depois de quase 10 anos do fim da série original, a criadora Amy Sherman Palladino voltou para Stars Hollow para terminar a série tão amada, já que aquele último ano foi simplesmente fora de personagem. Eu amei demais cada segundo, achei que foi um presente para os fãs e até Melissa McCarthy achou um tempinho na sua agenda lotada para retornar à sua famosa cozinha. Foi emocionante e apesar de muitos quererem que a série tenha uma segunda temporada, para mim, deveria parar por aqui e viver eternamente em nossos corações.

2) Will & Grace (revival)

Bem, isso foi gay. NBC/Divulgação

Estou simplesmente chocada com o quão fenomenal essa série voltou! Mesmo formato, mesmo elenco, mais amor e mais comédia. Não é à toa que já está colhendo os frutos com algumas indicações a prêmios porque é realmente louvável o que eles estão fazendo. Depois de oito temporadas, a série que encerrou em 2006, voltou ainda mais engraçada e mais original. Uma das melhores comédias nos dias de hoje.

3) One day at a time (reboot)

Netflix/Divulgação

Eu não sou muito fã de comédias água com açúcar assim, mas eu tenho que tirar meu chapéu para a Netflix por fazer esse reboot dessa comédia dos anos 70 e 80 de Norman Lear funcionar nos dias de hoje. A série original ficou 9 temporadas no ar e ganhou 3 Globos de Ouro, além de 2 Emmys. Veremos o que a atual consegue fazer.

Continua após a publicidade

4) Dinastia (reboot)

Elizabeth Gillies em Dynasty. CW/Divulgação

Eu sempre fico meio receosa com esses reboots de séries dos anos 80. Mas essa foi parar nas mãos dos mestres Josh Schwartz e Stephanie Savage, os mesmos criadores de The O.C. e Gossip Girl. Essa releitura do dramalhão é um sucesso graças à Fallon, interpretada por Elizabeth Gillies. Dinastia ou Dynasty é uma série da CW, mas a distribuição internacional é pela Netflix, por isso, aqui no Brasil, temos um episódio por semana.

5) The Exorcist (reboot)

FOX/Divulgação

É terror que você quer @? Um dos filmes mais famosos de terror da história ganhou uma versão moderna pela FOX. Na verdade, o filme é uma adaptação do livro de William Blatty, de mesmo nome. Eu ando bem medrosa para esse tipo de conteúdo, mas dizem que essa série é um “thriller piscológico em série que acompanha dois homens bem diferentes enfrentando um caso de uma família que enfrenta possessão demoníaca e todos as faces do mal”. Tem a segunda temporada confirmada, mas eu estou fora por puro medo.

6) Máquina Mortífera (reboot)

FOX/Divulgação

Confesso que achei que essa série não fosse dar certo. Não sou muito entusiasta de filmes que viram séries, mas Riggs e Murtaugh conseguem fazer rir novamente! O filme original tem Danny Glover e Mel Gibson e nessa releitura, Damon Wayans e Clayne Crawford dão vida à dupla policial nada convencional. A série tem sido um sucesso de audiência na madrugada da Globo e já tem segunda temporada confirmada.

Continua após a publicidade

7) Fuller House (revival)

Netflix/Divulgação

A continuação dessa série que era tudo de melhor nos anos 80/90 está indo bem pela Netflix. Até porque, está pronta para a segunda temporada. Apesar de ser uma continuação, o elenco completo não participa de todos os episódios, somente DJ Tanner, Stephanie e Kimmy Gibbler. E por falar em elenco completo, nada de Mary-Kate e Ashley Olsen, toparam revisitar essa família que lançou a carreira delas.

8) Twin Peaks (revival)

Showtime/Divulgação

A mente de David Lynch continua pegando fogo mesmo depois de 25 anos. A série volta para o Showtime e trouxe uma legião de fãs que sabem que o assassinato de Laura Palmer nos trouxe uma das melhores séries dos últimos tempos.

9) Arrested Development (revival)

Netflix/Divulgação

Você já assistiu essa pérola do mundo da comédia? Uma das melhores séries de comédia e uma das menos prestigiadas. Eles conseguiram voltar com uma quarta temporada estranha (por causa dos conflitos de agenda do elenco que ficou mega famoso depois) mas ainda bem que confirmaram a continuação pela Netflix para 2018. O elenco, como eu disse, é bombástico, Jason Bateman, Michael Cera, Jeffrey Tambor, Jessica Walter, Will Arnett, Tony Hale, Portia de Rossi, David Cross e Alia Shawkat — nem precisa dizer mais nada, não? Só fico receosa de como será a divulgação por causa do escândalo envolvendo o Jeffrey Tambor em assédio sexual nos bastidores de Transparent.

Continua após a publicidade

E para terminar, aquelas que eu acho que não deveriam ter surgido:

1) Prison Break (revival)

FOX/Divulgação

Céus! Por que? Eu fiquei revoltada de saber que iam mexer nessa série, mesmo com a suposta morte de Michael no final da quarta temporada. tanto que a série causou um super hype, mas os críticos destruíram. Mesmo com Wentworth Miller e Dominic Purcell voltando aos seus personagens icônicos, a série não foi tão bem assim. Mas eles jamais desistem, confirmando uma nova temporada para 2018.

2) The X Files (revival)

FOX/Divulgação

Muita crítica negativa e mesmo assim, vai continuar. Gillian Anderson e David Duchovny tiveram altos e baixos enquanto gravavam essa série. Vários rumores de que eles se odiavam e a própria Gillian já tinha dito que foi um dos piores períodos da vida dela. Mas o que o dinheiro não faz, não é mesmo? Eles estão de volta nesse mundo paranormal cheio de conspirações malucas, mas que foi um hit absurdo nos anos 90. Não deveriam mexer com algo tão bem construído e deixar no passado o que foi bem feito.

3) Girl Meets World (revival)

Continua após a publicidade
Disney Channel/Divulgação

Era melhor ter deixado Cory, Topanga e Shawn apenas na nossa memória afetiva. Essas séries que são bem antigas e infantis não funcionam nos dias de hoje. Tanto que foi cancelada depois de 3 temporadas apenas, comparado com as 7 temporadas da original. Amei rever todo o elenco adulto depois de tanto tempo, mas confesso que não aguentei acompanhar a filha de Cory e Topanga nessa jornada.

Faltou alguma que você adora? Qual é a sua favorita? Compartilha comigo nos comentários ou vem conversar comigo no Instagram @priharumi | Twitter @priharumi | TV Showtime priharumi

Publicidade