Lizzo é eleita Entertainer of The Year pela TIMES. Rainha, né, more?

Melhor notícia: sim ou com certeza?

Por Gabriela Junqueira - Atualizado em 11 dez 2019, 16h56 - Publicado em 11 dez 2019, 16h55

A gente ama a Lizzo e vive falando dela por aqui, né? E, nesta quarta-feira, a nossa ídola acabou de ganhar um presentão! A cantora, compositora e apresentadora norte-americana acabou de ser eleita como Entertainer do ano pela Times!

Para a revista, Lizzo disse que vem fazendo um trabalho positivo dentro da música há um longo tempo e que as coisas estão mudando. Ao comentar sobre ser a artista com mais indicações para o Grammy em 2019, a diva do pop disse:”A cultura mudou, tem um monte de coisas que não eram populares mas existiam, como o body positivity, que foi a primeira forma de protestos para corpos gordos e mulheres negras e agora se tornou um trendy, uma coisa comercializada”, afirma. 

A cantora, que é ativista e militante, aborda temas como gordofobia, machismo e relacionados à comunidade LGBT+, além de falar sobre amor próprio em suas letras, se tornando um ícone empoderador.

Continua após a publicidade

via GIPHY

Em setembro, Lizzo passou Cardi B depois de conseguir segurar Truth Hurts por quatro semanas consecutivas no posto número da Billboard Hot 100, se tornando a primeira cantora feminina solo de rap a  manter uma música na posição por tanto tempo. A rapper, que já está na estrada há mais de 10 anos, foi indicada para oito categorias do Grammy em 2019, virando a aposta do ano. Entre uma das indicações, Lizzo está concorrendo a Canção do Ano com “Truth Hurts”.

Clipe de Truth Hurts:

[youtube https://www.youtube.com/watch?v=P00HMxdsVZI%5D

Continua após a publicidade

  Em seu Instagram, após bater o recorde da Billboard, compartilhou que quando se apaixonou pela música aos 9 anos, não imaginava que chegaria tão longe. Falou sobre quando começou a tocar flauta, das inúmeras músicas que escreveu no seu quarto, das bandas que formou com as amigas e pediu para os seus fãs nunca deixem de lado os seus sonhos.

View this post on Instagram

Truth Hurts is officially the longest solo female rap #1 in history. I fell in love with music when I was 9 years old… I know it’s cliche but music was literally my boyfriend. I had no idea our love affair would take me this far. If this lil Lizzo only knew all that she would accomplish when she picked up that flute, or wrote songs in her room, or forced her friends to make girlbands.. it’s just so humbling to know it was all worth it. Don’t run away from what your heart wants. Follow that bitch to your destiny.

A post shared by Lizzo (@lizzobeeating) on

Continua após a publicidade

 

Wow! Lizzo precisa estar na sua playlist de 2020, né?

Publicidade