Continua após publicidade

Estrela de Glee se revela trans: “Estou pronta para ser livre”

Em artigo lindo para a Time, ela diz que acredita "ser transgênero para ajudar as pessoas a entenderem as diferenças"

Por Da Redação 21 ago 2018, 16h12
Josie em Glee Reprodução/Reprodução

Josie Totah abriu o coração para o site da Time e escreveu um texto poderoso em que debate a discussão sobre identidade de gênero. A atriz de 17 anos, antes conhecida como JJ Totah, participou das séries Glee, Jessie e Champions e usou a plataforma para se revelar uma mulher trans. “Os meus pronomes são ela e dela”, diz. 

Texto de Josie para a Time Reprodução/Reprodução

A americana explica que, ao longo de sua carreira, sempre foi colocada na ‘caixinha’ de jovem gay por Hollywood. “Diversos repórteres me perguntavam nas entrevistas como era ser um jovem gay. Eu era categorizado dessa maneira antes mesmo de receber um prêmio de uma organização LGBTQ+. Eu entendo que eles não sabiam o que se passava comigo. Eu sentia que eu devia a todos ser um adolescente gay. Mas, a verdade é que eu nunca me vi assim”. 

Continua após a publicidade

Josie conta que foi complicado participar de Glee. “Quando eu estava no seriado, eu ficava vendo a Lea Michele. Ela era fabulosa! E era engraçado ver ela e as outras meninas colocarem vestido e fazer os números de dança. Mas, ao mesmo tempo, difícil porque eu queria que fosse eu. Era uma sensação que eu sentia em todo projeto que fazia”. 

Josie na série Champion Reprodução/Reprodução

A atriz já está passando por tratamento de hormônio e assumiu que há algumas coisas que ainda a assustam sobre o assunto. “Documentos de identidade podem ser difíceis para pessoas trans mudarem e eu tenho medo do momento em que alguém ver meu RG e ficar em dúvida”. Ela continua: “mas quando meus amigos e família me chamam de Josie, eu sinto que estou visível, o que é algo que todo mundo deseja”. 

Continua após a publicidade

“Eu acredito que sou trans para ajudar as pessoas a aprenderem sobre diferenças. Isso me permite a ganhar perspectiva, para ser mais tolerante com os outros, porque eu sei como é se sentir como uma pessoa diferente de todo mundo”. 

Se quiser ler o texto completo, só clicar aqui!

Publicidade