Pode nevar no Brasil nos próximos dias, entenda o motivo

Já pode separar o casaco para a massa de ar polar!

Por Gabriela Junqueira Atualizado em 23 ago 2020, 11h17 - Publicado em 18 ago 2020, 16h48

Nos próximos dias, uma massa de ar polar deve atingir o Brasil fazendo com que neve por aqui! De acordo com a agência de meteorologia MetSul, a massa deve atingir primeiro o Sul e depois alcançar outras regiões do país, menos o Nordeste. Apesar da chegada de massas desse tipo não ser uma novidade, segundo a agência, dessa vez existe a chance de que neve em lugares incomuns.

Jude Evans/Getty Images

Grande parte da América do Sul deve ser atingida, “com potencial de ser um evento histórico de frio e neve”, pela massa ser “excepcionalmente forte e abrangente”, segundo a MetSul. Apesar de não ter como saber exatamente onde e quanto deve nevar, algumas projeções foram realizadas. Entre os locais citados estão o Planalto Sul de Santa Catarina, o Aparador da Serra no Rio Grande do Sul, e o sul de Curitiba, do Paraná e de São Paulo e, em menor quantidade, no Planalto Gaúcho.

No Rio Grande do Sul, o frio deve chegar na quarta-feira, enquanto nos outros estados, o termômetro começará a registrar a queda de temperatura a partir de quinta ou sexta-feira. De acordo com os modelos numéricos, a neve deve cair entre quinta-feira e sábado.

Para o Clima Tempo, existe uma chance alta de nevar apenas no Sul. Apesar de a frente fria chegar a São Paulo, a empresa que oferece serviços de meteorologia afirma que “não há condições para nevar em nenhuma região do estado”, entretanto, o recorde de frio na região pode ser batido durante a passagem da massa.

Continua após a publicidade

O doutor em meteorologia pela Universidade de São Paulo Ricardo de Camargo também diz que “não parece provável” que neve em todo o estado de São Paulo. Para a Exame, ele explicou que as temperaturas devem cair em até 10 graus nos locais mais atingidos.

 

Outro fenômeno, que  pode ocorrer por causa da massa de ar polar, é a chuva congelada. Diferente do granizo, que se transforma em gelo quando as gotículas de água chegam nas nuvens, na chuva congelada, a água atravessa a atmosfera em estado líquido e passa para o estado sólido apenas ao tocar a superfície.

Já pode separar aquelas casacos mais pesados para os próximos dias, viu?!

Continua após a publicidade

Publicidade