#MeuRacistaSecreto entrega no Twitter casos de racismo velado no Brasil

Hashtag que denuncia casos de racismo que ainda são disfarçados de 'minha opinião' vem incomodando muita gente...

Por Isabella Otto - 1 out 2018, 14h59

Nesta segunda-feira, 1º, uma hashtag ficou durante muito tempo nas primeiras posições dos Trending Topics brasileiros. Intitulada #MeuRacistaSecreto, ela denuncia casos de racismo ainda velados no Brasil.

Charlie Shoemaker/Reprodução/Getty Images

O movimento online aconteceu no mesmo dia em que o Google homenageou Milton Santos, primeiro brasileiro a ganhar o Prêmio Vautrin Lud de Geografia, na França, em 1994. A honraria é considerada o Nobel da área. Milton era geógrafo, negro e morreu em 2001, aos 75 anos.

Internautas registraram casos bastante pessoais e muitos foram atacados por pessoas contrárias às opiniões demonstradas. Confira alguns dos principais tweets abaixo:

Reprodução/Reprodução
Reprodução/Reprodução
Reprodução/Reprodução
Reprodução/Reprodução
Reprodução/Reprodução
Reprodução/Reprodução

Argumentos disfarçados de “minha opinião” à parte, alguns dados são irrefutáveis. De acordo com o Ministério da Justiça, o Brasil é um dos países que mais mata negros no mundo. Um jovem negro tem, por exemplo, 2,5 mais chances de morrer assassinado no país que um jovem branco.

Continua após a publicidade

Além disso, o Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada e o Fórum Brasileiro de Segurança Pública fizeram um recente levantamento que reforçou essa estatística: o homicídio de negros no Brasil é mais que o dobro do de brancos.

Publicidade