Enem: falha no sistema para pedir isenção de taxa gera revolta e memes

O sistema do Inep estava teimando que os estudantes não sabiam suas próprias datas de nascimento

Por Gabriela Junqueira - Atualizado em 27 abr 2020, 18h33 - Publicado em 6 abr 2020, 15h42

Começou nesta segunda-feira (6/3), e se estende até o próximo dia 17, o prazo para estudantes pedirem a isenção da taxa do ENEM, de R$ 85. Mas o prazo mal começou e os vestibulandos já enfrentaram dificuldades com o site…

Reprodução/Getty Images

O bug é o seguinte: depois de informar data de nascimento e CPF, o sistema responde dizendo que a data de nascimento informada não está de acordo com o cadastro da Receita Federal”. O INEP foi notificado e já trabalha para resolver o problema em sua totalidade.

Apesar do susto, muitos estudantes aproveitaram o momento para criar memes para aliviar a tensão:

Os estudantes que reclamaram da falha foram orientados pelo INEP a entrar em contato através do atendimento telefônico, 0800-616161, para receberem mais orientações. Mas o número só aceita ligações feitas por telefone fixo. 

Continua após a publicidade

Quem tem direito a isenção da taxa? Segundo o INEP: os estudantes que estão cursando o último ano do Ensino Médio em escola pública, em 2020, que cursaram todo o Ensino Médio em escola da rede pública ou particular como bolsista integral e têm “renda, por pessoa, igual ou menor que um salário mínimo e meio” ou “está em situação de vulnerabilidade socioeconômica por ser membro de família de baixa renda que possua Número de Identificação Social (NIS) único e válido; além de ter renda familiar, por pessoa, de até meio salário mínimo ou renda familiar mensal de até três salários mínimos.”

Você também enfrentou esse problema com a taxa de isenção?

Publicidade