Caso Gabby Petito: polícia identifica possível paradeiro de noivo foragido

Um rapaz, cuja descrição corresponde com a de Brian Laundrie, foi visto em uma floresta da Flórida; mensagens suspeitas chamam atenção da família

Por Gabriela Junqueira 21 set 2021, 17h20

O FBI encontrou no último domingo, 19, no Parque Nacional Grand Teton, em Wyoming, nos Estados Unidos, o corpo de Gabrielle Petito. A YouTuber estava realizando uma road trip com o noivo Brian Laundrie, quando desapareceu. Brian voltou para casa sem a jovem no dia 1º de setembro, e a família da norte-americana a declarou como desaparecida no dia 11. Brian se recusou a cooperar com o caso e é considerado “pessoa de interesse” para a polícia, tendo “sumido” no último dia 14.

Colagem com duas imagens da youtuber Gabby Petito
À esquerda, Gabby aparece sozinha durante a viagem. À diretita, acompanhada do noivo, Brian @gabspetito/Reprodução

Na segunda-feira, 20, a FOX teve acesso a uma ligação de um homem para a polícia feita no dia 12, que denunciava um caso violência doméstica envolvendo Gabby e Brian. “Sim, [ele estava batendo nela], e então nós paramos. Eles correram para cima e para baixo na calçada. Ele começou a bater nela, entrou no carro  e eles partiram”, conta a testemunha à polícia de Moab, em Utah.

A emissora divulgou um registro feito pela câmera corporal de policiais que conversaram com o casal durante a viagem, no mesmo dia da denúncia. “Me desculpe, acabamos de brigar esta manhã. Alguns problemas pessoais”, disse Gabby chorando para um dos agentes. Brian disse que teria sido um longo dia e que haviam acampado na noite anterior. A polícia fez com que o casal interrompesse a viagem por uma noite, mantendo os separados neste tempo, mas os dois seguiram viagem no dia seguinte.

De acordo com a mãe de Gabby, Nicole Schmidt, a última ligação das duas por FaceTime aconteceu no dia 24 de agosto e a filha mandou mensagens de texto até o dia 30 – mas agora ela não sabe afirmar se, de fato, os recados foram enviados pela filha. Depois do corpo da vítima ter sido encontrado, as autoridades retiraram o lacre de um mandado de busca da Flórida, que pedia para vasculhar o disco rígido da van em que a jovem viajava, a fim de buscar informações em e-mails, mensagens de texto e no histórico de navegação. Segundo o mandato, a mãe teria recebido uma mensagem estranha da filha no dia 27.

“Você pode ajudar Stan, continuo recebendo mensagens de voz e chamadas perdidas”, dizia. Apesar do avô da YouTuber se chamar Stan, a mensagem chamou a atenção de Nicole  e causou preocupação, porque a filha nunca o chamava assim. O advogado da família, Richard Stafford, revelou para a revista Insider que a última mensagem enviada foi no dia 30, e o texto era “nenhum serviço [sinal de rede] em Yosemite”. Segundo o advogado, hoje a mãe não acredita que o texto não tenha sido enviado por Gabby.

  • O noivo foi dado como desaparecido pela família após ser considerado uma “pessoa de interesse” para a investigação. As autoridades seguem atrás do designer e analisando imagens gravadas na terça, 20, de uma câmera localizada na floresta de Baker, na Flórida, que mostra um homem que pode ser Brian. As cenas foram feitas por uma câmera montada por um homem chamado Sam Bass, que assim que as assistiu e viu uma pessoa parecida com o suspeito, entrou em contato com a polícia. A mochila que o homem carrega no vídeo é igual a uma que aparece nas publicações de Brian.

    Continua após a publicidade
    Publicidade